SEF detém dois cidadãos estrangeiros em Famalicão por permanência ilegal no país

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve dois indivíduos estrangeiros por permanência ilegal em Portugal, numa ação desencadeada em Vila Nova de Famalicão.

A operação, realizada em colaboração com a Autoridade Tributária e Aduaneira e Segurança Social na manhã de 23 de maio, visava “combater a permanência ilegal de cidadãos estrangeiros no nosso país e a exploração da atividade da prostituição”.

“Foram inspecionados quatro estabelecimentos de diversão noturna e identificados cerca de uma centena de indivíduos, dos quais vinte e um eram estrangeiros”, afirmou o SEF numa nota informativa.

Aos detidos foi-lhes aplicadas como medidas de coação apresentações periódicas enquanto aguardam o desfecho do processo de afastamento coercivo que lhes será instaurado pelo SEF.

Foram ainda notificados para comparecer no SEF outros cinco cidadãos estrangeiros.

Da ação resultou ainda a apreensão de diverso material por parte da autoridade aduaneira e levantados vários processos de contraordenação pelas entidades participantes.

Estiveram envolvidos nas ações dezanove operacionais, dos quais 12 do SEF.

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem