https://www.facebook.com/associacaocomercialindustrialsantotirso/

https://muroplaco.pt/pt

Feira Semanal de Santo Tirso reabre em duas fases

O presidente da Câmara de Santo Tirso, Alberto Costa, acompanhou, na manhã desta segunda-feira, a reabertura da Feira Municipal. Em funcionamento estão, para já, as bancas com produtos alimentares, a venda dos restantes produtos só acontece a partir de 1 de junho. Acesso ao recinto tem agora regras para clientes e feirantes.

“A reabertura da feira semanal é uma medida ponderada e necessária para garantir que os diferentes vendedores possam retomar a sua atividade e reerguer os seus negócios”, adiantou o presidente da Câmara, Alberto Costa, lembrando, ainda assim, a necessidade de “avançar com alguma prudência”.

Acompanhado pelos presidentes da União de Santo Tirso, Couto (Santa Cristina e S. Miguel) e Burgães, Jorge Gomes, de Vila das Aves, Joaquim Faria, e de Vila Nova do Campo, Marco Cunha, locais onde se realizam as feiras semanais do concelho, o presidente da Câmara explicou que “o surto ainda não está controlado e, por isso, a melhor forma de garantir o bem-estar e a saúde de todos é avançar com uma abertura a duas fases, onde os bens essenciais são disponibilizados primeiro”.

A Câmara Municipal tem em marcha um Plano de Contingência de modo a garantir a mitigação da propagação do surto pandémico da Covid-19 por todos os que frequentam a Feira Municipal assegurando o seu funcionamento de acordo com todas as recomendações de segurança.

Esta segunda-feira, 25 de maio, a feira arrancou com a venda de produtos alimentares, em 59 bancas, e a 1 de junho passam a estar disponíveis os restantes produtos, em 230 bancas.

O cumprimento de regras de segurança e higiene é, assim, fundamental e imperativo para feirantes e clientes. O uso de máscara de proteção individual é obrigatório para todos os que frequentam o recinto, assim como a adoção de regras de etiqueta respiratória, de distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas e de higienização frequente das mãos. As aglomerações e as deslocações desnecessárias deverão ser evitadas.

Os clientes devem estar a um metro de distância da banca de exposição de artigos e o manuseamento dos produtos deverá ser feito exclusivamente pelos feirantes. O distanciamento entre feirantes deve respeitar os dois metros ou, no caso de espaços contíguos, deve ser colocada uma divisória até uma altura de dois metros do pavimento.

O recinto está dotado de uma sala de isolamento e tem circuitos de segurança e sentidos de circulação devidamente assinalados, que devem ser respeitados. A Feira Municipal funciona, semanalmente, à segunda-feira, entre as 7h00 e as 20h00.

Leia também...