Famalicense foi o melhor português no Rali de Portugal

Miguel Campos foi o melhor português no Rali de Portugal, a 5.ª ronda do Campeonato do Mundo de Ralis. Nesta 50.ª edição, o piloto famalicense ficou em 14.º lugar da classificação geral e foi 5.º no competitivo campeonato WRC2.

Tal como tinha acontecido em 2015, Miguel Campos, acompanhado pelo copiloto Carlos Magalhães, garantiu o estatuto de melhor português. Ao volante do Skoda Fabia R5 preparado pela AR Vidal, a dupla andou a discutir as posições cimeiras entre os concorrentes do WRC2 e só não conquistou mais do que o 5.º posto, devido aos problemas de travões na sexta-feira de manhã e de o veículo não estar adaptado às condições dos troços do último dia.
Em declarações à comunicação social, Miguel Campos afirmou que foi “pena não poderem lutar pelo 3.º lugar do WRC2”, mas que conseguiram cumprir “o objetivo para os patrocinadores: ser os melhores portugueses”. “É óbvio que ficou aquém um bocadinho das nossas expectativas pelo facto de querermos lutar mais e não conseguirmos devido aos problemas que tivemos. Ontem (sábado) ainda cheguei a pensar na hipótese de acabar o rali no pódio dos WRC2 e estive perto, mas neste último dia não acertei na afinação do carro, que deveria estar mais macio, e acabei por não ser tão eficaz como gostaria”, adiantou.
Quanto à restante época desportiva, o piloto famalicense vai trabalhar para garantir a presença em mais ralis, nomeadamente em provas pontuáveis para o campeonato nacional da especialidade.

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem