Auto Soluções- Campanha verão 2022

Com mais de 1500 animais recolhidos, Santo Tirso é o município que mais resgata

Segundo o relatório anual de atividades dos Centros de Recolha Oficial de 2021, foram recolhidos pelo Canil/Gatil Municipal de Santo Tirso 1505 animais, o número mais alto a nível nacional.

“Não trabalhamos para o ranking, mas são números que, naturalmente, nos deixam orgulhosos”, refere o presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Alberto Costa, explicando que traduzem “o empenho da autarquia na proteção da vida animal”.

“Assumi, logo após a tragédia que aconteceu em 2020, que o Canil/Gatil Municipal passaria a ser uma prioridade do executivo e temos trabalhado nesse sentido, desde então. Com o reforço da equipa do Canil/Gatil Municipal tem sido possível levar a cabo as campanhas CED- Capturar, Esterilizar e Devolver – o que contribui, em muito, para estes bons resultados”, acrescenta.

No total dos 1505 animais, foram recolhidos 452 cães e 1053 gatos. No âmbito das campanhas CED, que têm como objetivo a esterilização de gatos de rua mediante a captura de animais nas próprias colónias, sendo, depois, devolvidos ao mesmo local, foram capturados 681.

Também o número de adoções e de esterilizações registaram resultados muito significativos. Durante o mesmo período foram adotados 824 animais, colocando Santo Tirso em terceiro lugar, apenas atrás de Ponta Delgada (1 021) e de Braga (1 003). Destes, 338 foram cães e 486 foram gatos. Dos cães, 46 foram adotados pela ASAAST – Associação dos Amigos dos Animais de Santo Tirso.

Em 2021 foram esterilizados 1 171 animais. Assim, neste parâmetro, o Canil/Gatil Municipal também alcançou a terceira posição, situando-se atrás de Lisboa (1 519) e de Matosinhos (1 371).

O relatório releva, ainda, que durante o ano de 2021, apenas 18 animais foram eutanasiados e 731 vacinas antirrábicas foram administradas em animais.

Leia também...