https://muroplaco.pt/pt

Santo Tirso recebe conferência internacional de arte pública e completa museu de Escultura Contemporânea

A cidade de Santo Tirso vai recebe sexta e sábado, dias 23 e 24 de Outubro, a Conferência Internacional – ARTE PÚBLICA: Lugar, Contexto, Participação. O evento, organizado pela Câmara Municipal em colaboração com a Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, contará com a presença de alguns dos mais relevantes nomes do mundo da Arte e Escultura contemporâneas. Durante dois dias, a Fábrica de Santo Thyrso vai reunir artistas, críticos e promotores de Arte Contemporânea para um debate subordinado a temas relacionados com a Arte Pública. Em simultâneo vai decorrer o X Simpósio, que completará o Museu Internacional de Escultura Contemporânea de Santo Tirso com a colocação das seis última esculturas.

A Conferência Internacional de Arte Pública terá vários oradores e comunicações (programa em anexo) e de acordo com o presidente da Câmara de Santo Tirso, Joaquim Ferreira Couto,  “é um acontecimento de grande relevância, que reforça a imagem de Santo Tirso como cidade da Arte Contemporânea”. Serão feitas 16 apresentações, a cargo de prestigiados especialistas nacionais e internacionais, seguidas de debates.

O Museu Internacional de Escultura Contemporânea de Santo Tirso faz parte de um processo de dinamização cultural do município, com 25 anos, que é encerrado agora com o X Simpósio, que decorrerá em simultâneo com a Conferência. O simpósio será marcado pela entrega à cidade de Santo Tirso das últimas 6 esculturas, encerrando, assim, o projeto previsto para o Museu. Tal como as esculturas produzidas pelos nove simpósios anteriores, também estas têm a assinatura de renomados artistas como Miquel Navarro, Alexandru Arghira Calinescu, Pierre Marie Lejeune, Rafael Canogar, José Aurélio e Denis Monfleur.

Santo Tirso tem um forte posicionamento na Arte Pública através do Museu Internacional de Escultura Contemporânea, um dos maiores da Europa. O Museu é a própria cidade e distribui-se por oito polos que apresentam, no total, 54 esculturas.

Programa

Sexta-feira, 23 de outubro | 

9.00h – Registo |

9.30h – Abertura Joaquim Couto, Presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso; Alberto Carneiro e Gérard Xuriguera, Comissários dos Simpósios Internacionais de Santo Tirso; Margarida Brito Alves e Catarina Rosendo (Instituto de História da Arte, FCSH-UNL)|Opening – Joaquim Couto, Mayor of Santo Tirso’s City Council; Alberto Carneiro and Gérard Xuriguera, Curators of Santo Tirso’s International Symposia; Margarida Brito Alves e Catarina Rosendo (Instituto de História da Arte, FCSH-UNL)

9.40h – Álvaro Moreira e Conceição Melo (Câmara Municipal de Santo Tirso)
A qualificação do espaço público. Património, práticas culturais e políticas educativas | The qualification of the public space. Heritage, cultural practices and educational politics.

10.00h – Orador convidado | Keynote Speaker
Javier Maderuelo (Universidad de Alcalá, Madrid)
O significado na arte pública | Meaning in public art

11.10h – Pausa para café |

11.25h – Painel 1

ARTE PÚBLICA: CASOS DE ESTUDO | PUBLIC ART: CASE STUDIES
Moderação | Moderation: José Jimenez (Universidad Autónoma de Madrid)

Oradores |
Owen Duffy (Virginia Commonwealth University)
A Cloud Gate de Anish Kapoor: Descentrar o Mundo | Anish Kapoor’s Cloud Gate: Decentering the World

Adelaide Duarte (IHA-FCSH-UNL)
Arte e Paisagem. As esculturas do Parque de Serralves | Art and Landscape. The sculptures of Serralves Park

Isabel Carrasco (Marist College and Stetson University – Madrid)
Madrid-Palimpsesto. A cidade como laboratório artístico experimental | Madrid-Palimpsest. The city as an experimental art laboratory

José Pedro Regatão (CIEBA-FBAUL)
“Homenagem à agricultura” (1967) de Artur Bual | 1967’s “Homenagem à agricultura” (Homage to Agriculture) by Artur Bual

13.00h – Almoço | Lunch break

14.30h – Visita ao Museu Internacional de Escultura Contemporânea de Santo Tirso e | Visit to the Contemporary Sculpture International Museum of Santo Tirso and Opening of the 10th Symposium – Parque do Gião e/and Parque Urbano da Rabada

18h – Degustação de vinhos | Wine Tasting – Café do Rio, Parque Urbano da Rabada

Sábado, 24 de outubro

9.30h – Orador convidado | Keynote Speaker
João Ribas (Museu de Serralves, Porto)
A dimensão pública da arte | The Public Dimension of Art

11.00h – Pausa para café |

11.15h – Painel 2 | Panel 2

APROPRIAÇÕES DO ESPAÇO PÚBLICO | PUBLIC SPACE APROPRIATIONS
Moderação | Moderation: Bernardo Pinto de Almeida (Faculdade de Belas-Artes da Universidade do Porto)

Oradores | Speakers:
Konstantina Drakopoulou (Department of Byzantine Philology and Folklore, National and Kapodistrian University of Athens)
‘(K)nights not dead’: Graffiti politizado na paisagem de crise de Atenas | ‘(K)nights not dead’: Politicized stencil graffiti in the crisis-scape of Athens

Ughetta Molin Fop (IHA-FCSH-UNL)
Arte pública ambiental na obra de Patricia Johanson | Public environmental art in the work of Patricia Johanson.

Christie Blizard (University of Texas – San Antonio)
Não sou um fantasma | I am not a ghost

Pamela Bianchi (EPHA / Université 8 – Paris)
O espaço da arte pública: Uma nova forma de nomadismo institucional | The art in public space: a new form of institutional nomadism

13.00h – Almoço |

14.30h – Painel 3 | Panel 3

LUGAR, CONTEXTO E DESLOCAÇÃO | PLACE, CONTEXT AND DISLOCATIONS
Moderação | Moderation: Jorge Figueira – Departamento de Arquitetura da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra

Oradores |
Cristina Pratas Cruzeiro (Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa)
O entendimento social de Espaço nas práticas artísticas da Internacional Situacionista e de Gordon Matta-Clark | The social approach to space in the artistic practices of Situationist International and Gordon Matta-Clark

Marta Toscano (Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa)
Cheira demasiado a morte por aqui… Arte no espaço público | It smells excessively of death in here… Art in Public Space

Catarina Marto (Faculdade de Ciências Sociais e Humanas – Universidade Nova de Lisboa)
“Jardins-obras” de artistas e memória. O vegetal enquanto medium? | Artist’s “Work-gardens” and Memory. Vegetation as a medium?

15.45h – Pausa para café |

16.00h – Painel 4 |

INTERAÇÃO E PARTICIPAÇÃO | INTERACTION AND PARTICIPATION
Moderação | Moderation: Margarida Brito Alves – Instituto de História da Arte, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa

Oradores |
José Guilherme Abreu (Centro de Investigação em Ciência e Tecnologia das Artes / Universidade Católica do Porto)
A Arte Pública como Meio de Interação Social. Da Participação Cívica ao Envolvimento Comunitário | Public Art as social interaction means. From civic participation to community involvement

Joana Braga, Joana Pestana, Inês Veiga (Dinamia-ISCTE / Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa)
Quinta da Vitória: Tornar o invisível visível. Uma experiência sobre Arte Pública com compromisso social | Quinta da Vitória: making the invisible visible. An experience on Socially Engaged Public Art.

Patrícia Corrêa (Escola de Belas-Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro)
A cidade como canteiro de operações: José Resende em São Paulo | The city as operation bed: José Resende in São Paulo

18.00h – Sessão de encerramento e lançamento do catálogo do Museu Internacional de Escultura Contemporânea de Santo Tirso – Sede do MIEC-ST (Mosteiro de Santo Tirso) | Closing Session and launching of the catalogue of the Contemporary Sculpture International Museum of Santo Tirso – MIEC-ST Head Office (Monastery of Santo Tirso).

Leia também...