https://covid19.min-saude.pt/

https://muroplaco.pt/pt

Rede de formação profissional de Famalicão com 400 mil horas disponíveis para mais de 20 mil pessoas

Mais de 20 mil cidadãos ativos (empregados e desempregados), com idade igual ou superior a 18 anos, sem qualificação adequada para inserção ou progressão no mercado de trabalho, ou que pretendam uma requalificação profissional, vão poder melhorar as suas qualificações através das mais de 400 mil horas de formação modular certificada gratuita que vão estar disponíveis no concelho no biénio 2021-2022, distribuídas por 431 unidades de formação.

As Formações Modulares Certificadas são formações organizadas em unidades de formação de curta duração de 25 ou 50 horas, capitalizáveis para a obtenção de uma ou mais qualificações definidas no Catálogo Nacional de Qualificações.

A Escola Profissional Forave, a Escola Profissional CIOR, a Didáxis de Riba Ave, o CITEVE – Centro Tecnológico Têxtil e Vestuário, a CESPU – Cooperativa de Ensino Superior, Politécnico e Universitário, a ACIF – Associação Comercial e Industrial de Vila Nova de Famalicão, as entidades formadoras privadas Associação de Moradores das Lameiras, ACIP, GTI, Bombeiros Voluntários Famalicenses e o Cenfim, sediado na Trofa, são as entidades que integram a Rede de Educação e Formação de Vila Nova de Famalicão.

A formação aprovada vai de encontro às necessidades diagnosticadas no território pelo município, empresas e instituições educativas. As unidades de formação vão desde as mais técnicas, relativas a um setor de atividade, como o têxtil, a metalomecânica e o agroalimentar, às mais abrangentes como iniciação de línguas, novas tecnologias, comportamentais e marketing, entre outras.

As inscrições devem ser efetuadas junto de cada uma das entidades formadoras referidas ou, então, através do Centro Qualifica de Famalicão http://www.famalicaoeducativo.pt/_centro_qualifica_apresentacao

Leia também...