Select Page

PARQUE URBANO DE GEÃO PRONTO NO VERÃO

Com 70 mil metros quadrados, o Parque Urbano de Geão está a nascer junto à Biblioteca Municipal e deverá estar pronto no verão. O presidente da Câmara de Santo Tirso, Joaquim Couto, esteve, esta quarta-feira, de visita ao local e sublinhou a importância desta obra na promoção da qualidade de vida da população.

Com a intervenção, pretende-se a criação de um parque urbano, onde o desenho da biodiversidade e da sustentabilidade coexistam e que torne “a cidade mais equilibrada do ponto de vista de zonas verdes”, referiu o autarca, em declarações aos jornalistas.

O Parque Urbano de Geão vai, ao mesmo tempo, criar uma ligação entre a zona antiga da cidade e todo o espaço que se foi desenvolvendo nos últimos anos. Uma realidade que Joaquim Couto defende ser uma “necessidade e uma mais valia, onde a qualidade de vida sai muito valorizada”.

Com as obras no terreno desde abril, neste momento estão a decorrer os trabalhos de execução de muros de suporte em granito, estão a ser feitos acessos em betão armado e está a proceder-se à modelação de terrenos e plantações diversas.

A obra prevê a criação de áreas de estadia informal, espaços de jogos e recreio de “streetworkout”, assim como percursos pedonais e cicláveis. A valorização das áreas envolventes às três esculturas do Museu Internacional de Escultura Contemporânea (MIEC), a estabilização das margens e a criação de redes de infraestruturas ao nível de drenagem de águas pluviais e de iluminação pública são também contempladas na empreitada que irá permitir um enquadramento com a Associação Amigos do Sanguinhedo e o Ginásio Clube de Santo Tirso, enquanto polo lúdico e pedagógico, e o acesso à Escola Básica e Secundária D. Dinis.

O espaço tem, atualmente, três esculturas do Museu Internacional de Escultura Contemporânea ao ar livre e um skate parque que permite a prática de skate, bmx e patins em linha e que já recebeu, inclusive, uma prova nacional de skate.

A obra está em fase de conclusão e deverá estar finalizada no final de junho. Para o futuro, projeta Joaquim Couto, “o objetivo é a expansão para norte e para sul e chegar aos 10 hectares de parque”.

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª pagina edição Papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização