Lanches saudáveis chegam a duas mil crianças em Famalicão

Cerca de dois mil alunos do pré-escolar e do primeiro ciclo do concelho de Vila Nova de Famalicão estão a beneficiar de lanches escolares saudáveis, com a inclusão de pão fresco com recheio variado (que pode ser manteiga, queijo, marmelada, etc.). A medida que tem como principais objetivos incutir hábitos de alimentação saudáveis nas crianças – evitando o consumo dos bolos, bolachas e outros doces – e promover a equidade social, surge de um desafio lançado no ano letivo anterior pela autarquia famalicense a todas as Juntas de Freguesia do concelho.

“Depois do lançamento do projeto piloto, no ano letivo anterior, este ano dezasseis freguesias responderam positivamente ao nosso desafio, procedendo à distribuição de lanches saudáveis pelos estabelecimentos de ensino numa medida de grande relevância e equidade social, já que não existe diferenciação nos lanches, combatendo ainda a obesidade infantil”, refere a propósito o vereador da Educação da Câmara Municipal, Leonel Rocha. De acordo com o responsável, “o objetivo é chegar a todas as crianças”.

Neste âmbito, foi aprovada uma proposta na última reunião do executivo municipal para a atribuição de um apoio financeiro no valor de 32.641, 50 euros para comparticipar os lanches escolares para o presente ano letivo. A autarquia atribui o valor de 10 cêntimos diários por aluno, destinado à comparticipação dos bens alimentares (pão e recheio). O pão de um tamanho apropriado aos mais novos tem um custo de 5 cêntimos, sendo que a autarquia atribuiu mais cinco cêntimos para o recheio.

Recorde-se que além disso, a autarquia financia também a distribuição de fruta em todas as escolas do pré-escolar e 1.º ciclo do concelho, num investimento que chega muito perto dos 60 mil euros por ano. Por sua vez, o leite escolar é suportado pelo Ministério da Educação.

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem