II Ciclo de Conferências do Museu da Industria Têxtil arranca sábado – Jornal do Ave

https://muroplaco.pt/pt

II Ciclo de Conferências do Museu da Industria Têxtil arranca sábado

No próximo sábado, 26 de setembro, arranca o II Ciclo de Conferências “Percursos e memórias da indústria na Bacia do Ave. Ciclo de conferências com visita guiada”. Depois do sucesso da primeira edição, a iniciativa está de regresso adaptando-se ao Plano de Contingência Municipal, limitando a participação nos eventos a 25 participantes. As inscrições são gratuitas e obrigatórias e devem ser realizadas através do email: geral@museudaindustriatextil.org.

A primeira conferência é dedicada ao tema “A importância dos rios para a atividade industrial em Vila Nova de Famalicão: um contributo histórico geográfico a partir dos trabalhos dos serviços hidráulicos” e tem como convidado Francisco Silva Costa, do Departamento de Geografia da Universidade do Minho. A conferência decorre pelas 15h00, na Central Hidroelétrica de Santa Rita, em Fafe.

No dia 21 de novembro, pelas 15h00, acontece a segunda conferência, com visita a Riba de Ave. Guilherme Pozzer da Universidade do Minho abordará o tema “A indústria da Memória: análise da construção simbólica da Sampaio, Ferreira e Companhia como património industrial de Riba de Ave”.

A última conferência, realiza-se a 12 de dezembro, também pelas 15h00, com a visita ao Hotelar Têxtil, instalada na antiga Fábrica de Fiação e Tecidos do Rio Vizela, em Negrelos, Vila das Aves. O coordenador cientifico do Museu da Indústria Têxtil da Bacia do Ave, José Manuel Lopes Cordeiro abordará o tema “A evolução societária da Fábrica de Fiação e Tecidos do Rio Vizela no 175.º aniversário da sua fundação (1845-2020)”.

Leia também...