Gasolina e gasóleo pela “hora da Morte”?

Há quem diga que pelo Natal os preços “são de loucos”.

Há também quem diga que o preço dos combustíveis “está pela hora da morte”.

É certo que num posto de combustíveis em Bougado, na cidade da Trofa, dá-se razão a que profere as frases anteriores.

É certo que preços devem estar errados, mas numa primeira vista os “preços” assustam qualquer um, até mesmo aqueles que receberam as melhores prendas.

Notícias relacionadas...

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização