Fórum Educa dedicado à “Comunicação e Relação Interpessoais”

São esperados “cerca de 200 professores” na 2.ª edição do “Fórum EDUCA-Encontros de Educação de Santo Tirso”, que se realiza esta sexta-feira e sábado, 23 e 24 de fevereiro, no Centro Cultural Municipal de Vila das Aves e na Escola Básica de S. Martinho do Campo, em Santo Tirso. 

A iniciativa é da responsabilidade do Centro de Formação Sebastião da Gama, com o apoio do Agrupamento de Escolas de S. Martinho do Campo e da Câmara Municipal de Santo Tirso. Os objetivos do Fórum passam por “promover a formação de professores e de educadores, através da análise e debate de temáticas relevantes para os projetos educativos do concelho, e partilhar experiências e práticas, que contribuam para a melhoria do serviço educativo”.
Dirigida a educadores de infância e professores dos ensinos básico e secundário, a iniciativa é “acreditada pelo CCPFC – Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua, considerada para efeitos de progressão na carreira do docente”.
O Fórum procura apresentar diferentes perspetivas e abordagens com vista à capacitação de professores, educadores e formadores para a melhoria da eficácia das práticas educativas, e que este ano está subordinado ao tema “Comunicação e Relação Interpessoais”.
A sessão de abertura está marcada pelas 15.30 horas desta sexta-feira, 23 de fevereiro, no Centro Cultural Municipal de Vila das Aves. No primeiro dia é ainda de destacar a conferência “Educar para um futuro imprevisível”, com a presença de Eduardo Marçal Grilo, antigo ministro da Educação e atual presidente do conselho geral da Universidade de Aveiro. No sábado de manhã decorrem várias oficinas, entre as quais de escrita criativa, comunicar com segurança na internet, coaching para docentes e relação positiva com os alunos. A sessão de encerramento está marcada para as 18 horas, depois de um debate aberto a todos os participantes.

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem