Famalicão perdeu por 3 a 2 com o Benfica B

O ‘aflito’ Benfica B conseguiu hoje um importante triunfo em casa do Famalicão por 3-2, em jogo da 40.ª jornada da II Liga de futebol, com os visitados a deixarem os lugares de promoção.

Feliz e Mércio, aos 06 e 65 minutos, respetivamente, marcaram os golos dos famalicenses, enquanto Hildeberto Pereira, aos 47, Diogo Gonçalves, aos 61, e Pedro Rodrigues, aos 76, assinaram os tentos do clube da Luz que assim conseguiu a ‘cambalhota’ no marcador e protagonizou uma surpresa no Minho.

Com esta derrota, o Famalicão deixou-se ultrapassar pelo Portimonense, que, nesta jornada, venceu por 1-0 em casa do Olhanense. O clube minhoto pode ainda ver o Freamunde, que à tarde recebe o Oriental, atacar também os lugares de subida, enquanto o Benfica B sai provisoriamente da zona de despromoção, ficando à espreita dos resultados dos adversários diretos.

Numa primeira parte de sentido único e de futebol muito fraco, aos seis minutos, Feliz inaugurou o marcador com um remate frontal à baliza benfiquista.

O Benfica B esperou pela segunda parte para aparecer no jogo e na primeira abordagem à baliza contrária fez o golo do empate por intermédio de Hildeberto Pereira (47 minutos).

O Famalicão acusou o susto e pressionou muito com Jorge Miguel a atirar contra o corpo do guarda-redes lisboeta aos 49 minutos.

Mas o Benfica B, ainda que sem muto engenho e mais em sorte, assustou ainda mais os famalicenses e fez a reviravolta com um golo de Diogo Gonçalves que marcou de forma eximia e determinada um livre (61 minutos).

Foram precisos quatro minutos para o Famalicão se recompor e empatar: Mércio ‘copiou’ a frieza de remate do colega benfiquista e de fora da área completou um passe de Feliz aos 65.

Mas o Benfica B estava atrevido na segunda parte e Pedro Rodrigues voltou a ‘gelar’ o estádio ao fazer o 3-2 aos 76 minutos, obrigando o Famalicão a voltar a correr atrás do resultado, sendo injusta a derrota.

Aos 80 minutos a equipa de Daniel Ramos ainda reclamou uma grande penalidade por mão de Pedro Rodrigues, mas o árbitro Tiago Antunes não considerou o lance faltoso.

Jogo no Estádio Municipal de Famalicão, em Vila Nova de Famalicão.

Famalicão – Benfica B, 2-3.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores:

1-0, Feliz, 06 minutos.

1-1, Hildeberto Pereira, 47.

1-2, Diogo Gonçalves, 61.

2-2, Mércio, 65.

2-3, Pedro Rodrigues, 76.

Equipas:

– Famalicão: Emanuel, Daniel, Silvério, Vilaça, Jorge Miguel (Leandro Souza, 78), Vítor Lima, Mércio, Eder Diego (Correia, 62), Feliz, Chico (Mendes, 78) e Medeiros.

(Suplentes: Chastre, Joel, Diogo Santos, Ibraima, Mendes, Correia e Leandro Souza).

Treinador: Daniel Ramos.

– Benfica B: Miguel Santos, Hildeberto Pereira, Ruben Dias, João Nunes, Alan Benitez, Dawidowicz, Gilson Costa (Sancidino Silva, 46), Diogo Gonçalves, João Carvalho (Alexandre Alfaiate, 80), Yuri Ribeiro e Saponjic (Pedro Rodrigues, 67).

(Suplentes: André Ferreira, Dálcio Gomes, Oliver Sarkic, Alexandre Alfaiate, Sancidino Silva, Pedro Rodrigues e Francisco Ferreira).

Treinador: Hélder Cristóvão.

Árbitro: Tiago Antunes (Coimbra).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Mércio (59), Hildeberto Pereira (71), Pedro Rodrigues (81) e Sancidino Silva (90).

Assistência: Cerca de 3.600 espetadores.
Lusa: texto | FCfamalicão: Foto

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem