CHMA contrata 21 profissionais

O Ministério da Saúde autorizou o Centro Hospitalar do Médio Ave (CHMA) a contratar 21 profissionais de saúde, ligados à atividade assistencial, nomeadamente para a enfermagem, técnicos de diagnóstico e terapêutica e assistentes operacionais.
O processo encontra-se já em fase de seleção e os profissionais devem ser contratados nos próximos dias.
“Estas admissões vão permitir colmatar a redução do período normal de trabalho de 40 para 35 horas semanais, sem que haja qualquer perturbação da qualidade assistencial para os utentes”, informou fonte do Centro Hospitalar em nota de imprensa.
As contratações, garantem, vão permitir proceder a alguns ajustamentos na afetação dos recursos humanos às diferentes atividades hospitalares.
O mesmo Ministério autorizou o CHMA a celebrar um contrato de fornecimento de alimentação, pelo período de três anos, num valor estimado de cerca de “2,3 milhões de euros”. “Esta autorização vai permitir dar sequência ao concurso público para a celebração do contrato, tendo o CHMA aproveitado a oportunidade para introduzir algumas alterações ao perfil das refeições a fornecer, atualizando as ementas (tendo em conta as mais recentes orientações sobre alimentação saudável) e integrando uma opção vegetariana”, pode ler-se na nota de imprensa.

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem