Auto Soluções

NOVA FÁBRICA DA WEG EM SANTO TIRSO
VAI TER LABORATÓRIO DE TESTES
MAIS COMPLETO DA EUROPA

A multinacional WEG anunciou a instalação em Santo Tirso do “laboratório de testes mais avançado da Europa” para motores e drives de média e alta voltagem. Este laboratório será uma das valências da nova fábrica que está em construção na zona empresarial da Ermida. 

Para o presidente da Câmara de Santo Tirso, Alberto Costa, “o anúncio da instalação deste novo laboratório, que terá características únicas a nível europeu, valoriza ainda mais o importantíssimo investimento que a WEG está a concretizar na zona empresarial da Ermida, onde já tem uma primeira fábrica em operação, com 16 300 metros quadrados”.

“Congratulo-me com este anúncio e com mais este projeto desta multinacional, que na passada terça-feira foi eleita, pela oitava vez consecutiva, uma das empresas mais inovadoras do Brasil, o que dá bem a noção da sua dimensão e valor”, acrescenta. 

Para Alberto Costa, “o facto de uma empresa com esta qualidade e dimensão apostar de forma tão forte em Santo Tirso é a demonstração de que o Município está a seguir a estratégia correta para a atração de investimentos e projetos empresariais que valorizam o nosso território, contribuem para atrair outros investimentos, criam emprego e, no fundo, dão um contributo fundamental para o desenvolvimento do concelho e do próprio país.”

A nova fábrica da WEG em Santo Tirso deverá entrar em operação no primeiro trimestre de 2024 e vai ocupar uma área de 22 680 metros quadrados. Segundo a empresa, está previsto que venha a gerar 100 novos postos de trabalho nos próximos anos.

Entre os acréscimos na fábrica atualmente em construção está um investimento substancial no novo laboratório de testes, que é descrito como o mais completo da Europa. Segundo a empresa, o espaço será adequado para testes de carga completa para atender ao novo portfólio de produtos da WEG, e continuará a permitir que os clientes monitorizem remotamente os testes em tempo real.

Citado em notícias internacionais, o diretor-geral da WEG Portugal, António Duarte, explica que “o novo investimento melhorará significativamente as capacidades de produção da unidade, a nossa flexibilidade e tempo de resposta ao mercado, e reforça o nosso compromisso contínuo com o mercado europeu.”

Segundo a empresa, a nova fábrica permitirá, também, à WEG intensificar o seu uso de robótica e automação, com investimentos incrementais previstos para os próximos anos. Estas tecnologias incluem veículos guiados automatizados (AGVs), robôs de seis eixos e a criação de um armazém vertical automatizado para a colheita de peças e produtos mais pequenos.

“Os nossos planos baseiam-se no WEG Manufacturing System (WMS), um programa que a WEG segue para melhorar continuamente a forma como fabricamos”, revelou António Duarte.

“Esta filosofia ajuda-nos a eliminar o desperdício e a alcançar a melhor eficiência possível. Na verdade, empregamos o modelo WMS em todo o nosso negócio, incluindo os nossos escritórios. Os próximos investimentos em Santo Tirso seguem esta forma de pensar e tornar-nos-ão mais resilientes nas próximas décadas”, acrescenta.

A WEG Portugal emprega, atualmente, mais de 750 trabalhadores, nas duas unidades instaladas em Santo Tirso e na Maia, produzindo mais de 10 mil motores por ano. A nova fábrica vai permitir centralizar todas as operações em Santo Tirso, para onde serão gradualmente transferidas a partir de 2023.

Leia também...