Select Page

Famalicão Made IN vale título de Município do Ano no Norte

Famalicão Made IN vale título de Município do Ano no Norte

O projeto Famalicão Made IN valeu ao município famalicense o prémio de “Município do Ano” no Norte, atribuído pela Universidade do Minho, no âmbito da plataforma UM-Cidades.

Este concurso premeia “as boas práticas em projetos implementados pelos municípios com elevados impactes positivos assinaláveis no território, na economia e na sociedade que promovam a sustentabilidade”.
A concorrer com Esposende, que tinha o projeto “BTT Luso-Galaico”, com Fafe (“Terra Justa”) e com Guimarães (“Laboratório de Paisagem”), Vila Nova de Famalicão levou a melhor, com o projeto que “tem valorizado e promovido a genética empreendedora do município, captado novos investimentos e auxiliado os empresários famalicenses a promoverem e desenvolverem os seus projetos empresariais, para além de ajudar os jovens com ideias empreendedoras a concretizarem os seus projetos”, mencionou a autarquia, em comunicado.
“Trata-se de uma ampla e diversificada campanha de valorização e afirmação territorial, direcionada para a exploração do potencial económico do concelho, à qual está associada a assinatura ‘Um Concelho com Marca’, que reforça a ligação de Famalicão a um bom município para viver, estudar, trabalhar e investir”, pode ler-se.
De um universo de 93 candidaturas – número recorde – foram selecionados 36 projetos finalistas, divididos por nove categorias, e avaliados por um “júri nacional constituído por nove personalidades independentes e provenientes de áreas diversas”.
Os prémios foram entregues no dia 3 de junho em Vila do Bispo. Para o responsável do UM-Cidades, Paulo Cruz, têm surgido novas realidades e dinâmicas que valorizam a vida dos munícipes. “Um presidente da Câmara já não pretende deixar grandes obras. Preocupa-se antes com projetos imateriais e intangíveis, muitas vezes sem afetar grandes recursos, mas que trazem claros benefícios para a qualidade de vida de alguns segmentos da sociedade, como idosos, crianças ou desfavorecidos”, referiu Paulo Cruz.

 

Projetos candidatos com Famalicão

Esposende – Encontro Luso-galaico de BTT apresenta um programa diversificado que permite uma participação abrangente, independentemente da faixa etária e do nível de preparação, a par de um conjunto de iniciativas de animação e de lazer, envolvendo os participantes e respetivos acompanhantes.

Fafe – “Terra Justa” é um encontro internacional que se realiza anualmente em Fafe e que é inédito por procurar nas diversas atividades do seu programa provocar e envolver os cidadãos para a importância das causas e valores da humanidade

Guimarães – Edificado junto à margem do Rio Selho e a uma ponte Medieval, o que lhe garante uma envolvência privilegiada, o Laboratório da Paisagem é um espaço que tenta consagrar a promoção do conhecimento e a inovação, a investigação e a divulgação científica, contribuindo para uma ação integrada e participada das políticas ambientais e do Desenvolvimento Sustentável.

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª pagina edição Papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização