https://autosolucoes.pt/

Famalicão cria “Comércio com História” com benefícios económicos e reconhecimento público

A casa de comércio Alcino Freitas & Filho; a Casa Marinheiro, a Chapelaria Oliveira, a Confeitaria Moderna, entre tantas outras lojas, cafés, ourivesarias, restaurantes…, são apenas alguns exemplos do comércio de Vila Nova de Famalicão que já faz parte da história do concelho, que acompanhou a evolução dos tempos e preserva em si marcas da identidade coletiva do território.

Com o objetivo de promover e salvaguardar o comércio tradicional do concelho nas suas dimensões patrimoniais, históricas, culturais e sociais, a Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão criou o programa municipal “Comércio com História”, do qual fazem já parte 23 estabelecimentos, nove localizados na cidade, 4 na freguesia de Antas, 4 na vila de Joane, 3 na vila de Ribeirão e 2 na vila de Riba de Ave.

Quem passeia habitualmente pelas ruas comerciais do concelho de Vila Nova de Famalicão já reparou certamente na colocação de placas identificativas em vários espaços comerciais que sinalizam o “Comércio com História”.

Para além do reconhecimento público e valorização destes espaços comerciais, o programa municipal “Comércio com História” associa-se ao inventário nacional promovido pela Direção-Geral das Atividades Económicas, e consequentemente os estabelecimentos reconhecidos beneficiam das medidas de proteção previstas na Lei n.º 42/2017, de 14 de junho.

Neste sentido, outros estabelecimentos que se enquadrem nos critérios de reconhecimento de interesse histórico, cultural ou social local, previstos no Regulamento Municipal da Urbanização e Edificação, podem apresentar a sua candidatura através do preenchimento de formulário disponível em https://www.famalicao.pt/comercio-com-historia

Leia também...