Auto Soluções

VN Famalicão: Pulseira eletrónica para suspeito de violar familiar menor durante oito anos

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Braga, procedeu à detenção, fora de flagrante delito, de um homem de 37 anos, residente no concelho de Vila Nova de Famalicão, suspeito da eventual prática de crimes de abuso sexual de criança, de ato sexual com adolescente, de importunação sexual e de perseguição, todos agravados.

Segundo comunicado da PJ, “os abusos, iniciaram-se já em 2014, quando a vítima tinha apenas 8 anos de idade e prolongaram-se até à atualidade, aproveitando-se o suspeito da relação familiar e de coabitação com a menor”.

Presente em tribunal, o indivíduo foi obrigado a abandonar a residência, estando proibido de contactos com a vítima, controlado por pulseira eletrónica e por apresentações bissemanais às autoridades.

Leia também...