Video – Tondela vence em Famalicão com golo ‘fora de horas’ de Jhon Murillo

O extremo venezuelano apareceu isolado e contornou Defendi para resolver o jogo numa fase em que a sua equipa tentava, acima de tudo, segurar o empate, depois de um jogo em que os beirões até estiveram a vencer por 2-0, com golos de Pepelu (seis minutos) e Xavier (19), antes de a equipa da casa responder, por Roderick (39) e Fábio Martins, de penálti (54).

Quando as equipas ainda se estudavam neste duelo inédito do futebol nacional, o Tondela aproveitou o primeiro canto do desafio para chegar à vantagem: após cobrança de João Pedro na esquerda, Pepelu ganhou posição entre os defesas contrários ao primeiro poste e cabeceou para o seu primeiro golo no campeonato.

Obrigada a recuperar de uma desvantagem desde cedo, a equipa famalicense quis desequilibrar o adversário com a circulação rápida da bola e ‘tabelas’ nas alas, mas continuou a errar na hora de recuar para defender, fragilidade que os jogadores treinados por Natxo González aproveitaram para dilatar o resultado.

O extremo Xavier progrediu pela esquerda e tirou partido de um desentendimento entre Riccieli e Nehuén Pérez para se isolar e marcar o seu primeiro golo no campeonato, num remate cruzado, à segunda tentativa.

Os anfitriões continuaram no ataque até ao intervalo e, depois de quase terem reduzido aos 21 minutos, num cabeceamento de Fábio Martins travado por Cláudio Ramos, colheram a recompensa aos 39, quando Roderick se estreou a marcar na prova, após um cabeceamento certeiro ao segundo poste, na sequência de um cruzamento de Pedro Gonçalves, na direita.

Após o intervalo, o Famalicão viu o ataque reforçado, com a entrada do ala Rúben Lameiras, e o Tondela a defesa, com a inclusão do central Philipe Sampaio, mas foi a equipa beirã que teve a primeira ocasião flagrante: assistido por João Pedro, o ala Jhon Murillo atirou ao lado, com a baliza deserta e muito tempo para decidir.

Os tondelenses ‘pagaram’ esse desperdício com o tento do empate, marcado numa grande penalidade que sancionou falta de Philipe Sampaio sobre Pedro Gonçalves, ao minuto 53, e foi convertido no minuto seguinte por Fábio Martins (sétimo golo na I Liga).

Após a igualdade, as oportunidades continuaram a aparecer, com a formação beirã a ameaçar o golo num livre de João Pedro, aos 57 minutos, e num remate de Xavier, travado por Defendi, aos 68.

O Famalicão manteve, porém, o ascendente ofensivo até ao apito final e desperdiçou a reviravolta num remate de Anderson por cima, aos 62 minutos, e num cabeceamento aos 69, cuja recarga deu um golo anulado, que esteve em análise pelo videoárbitro (VAR) durante sete minutos.

Jhon Murillo acabou por ‘estragar’ os planos minhotos e permitiu ao Tondela encerrar uma série de três jogos sem vitórias e subir provisoriamente ao sexto lugar, com 18 pontos, enquanto o Famalicão, com 24, vai concluir a jornada no terceiro posto, mas pode sofrer a aproximação de outras equipas.

Notícias relacionadas...

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização