Select Page

Pulseira eletrónica para homem detido pela GNR por violência doméstica em Santo Tirso

Pulseira eletrónica para homem detido pela GNR por violência doméstica em Santo Tirso

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas do Porto, ontem, dia 2 de maio, deteve um homem de 38 anos, pelo crime de violência doméstica, em Água Longa, no concelho de Santo Tirso.

Durante a investigação de um processo de violência doméstica, a GNR apurou que ao longo da relação o suspeito exercia violência verbal e física, sobre a vítima, mulher de 43 anos, controlando e vigiando as suas rotinas diárias, chegando também a danificar bens materiais daquela.

No ano de 2018, a vítima mostrou intenção de se divorciar do agressor, tendo este aumentado a violência psicológica, em termos de frequência e intensidade, ameaçando-a a si e à sua família de morte, referindo-lhe que não voltaria a ver o filho de ambos. Desde então, ocorreram episódios de violência física, tendo a vítima solicitado ajuda à GNR, denunciando a situação, o que permitiu deter o suspeito.

O detido, hoje, dia 3 de maio, foi presente a 1º Interrogatório Judicial, no Tribunal de Instrução Criminal de Matosinhos, tendo ficado sujeito às medidas de coação de proibição de permanência na residência da vítima e de contactar a mesma por qualquer meio, sendo controlado com recurso a vigilância eletrónica (pulseira eletrónica).

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª pagina edição Papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização