Select Page

Prisão preventiva para incendiário de Agua Longa

Prisão preventiva para incendiário de Agua Longa

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, procedeu à identificação e detenção de um homem pela autoria do crime de incêndio em habitação.

A detenção ocorreu na madrugada do passado sábado, na sequência de incêndio ocorrido ao fim da tarde de sexta-feira e que colocou em risco uma habitação unifamiliar na freguesia de Agua longa, no concelho de Santo Tirso, como noticiou o Jornal do Ave.

Só a pronta intervenção da GNR e dos Bombeiros Voluntários locais impediram que o incêndio destruísse por completo a habitação.
“O incêndio esteve circunscrito à sala da habitação, causando danos num móvel, vários documentos e um computador portátil, não havendo feridos a registar” avançou na altura Filipe Carneiro, comandante os Bombeiros Voluntários de Santo Tirso.

O individuo, suspeito da prática daquele ilícito, é pai da proprietária da habitação que se encontrava ausente do país.

O suspeito, para provocar a ignição, utilizou gasolina e aquando da abordagem policial evidenciava sinais de se encontrar alcoolizado, tendo atuado por vingança e desavenças com aquela filha.

O detido, de 59 anos de idade e desempregado, foi presente à competente autoridade judiciária tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª pagina edição Papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização