Select Page

Polícia Judiciária detém suspeito de atear fogo em Monte Cordova

Polícia Judiciária detém suspeito de atear fogo em Monte Cordova

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte e com a colaboração da GNR, identificou e deteve o presumível autor da prática de um crime de incêndio florestal, ocorrido na quinta feira dia 21, na freguesia de Monte Córdova, no concelho de Santo Tirso.

O suspeito, com recurso a um isqueiro, ateou o incêndio numa zona de pinhal e mata rasteiro, contígua à Escola Básica de Redundo e cujas chamas se propagaram por mais de 2000 m2 na área de vegetação.

O fogo não chegou a atingir aquele edifício em virtude da pronta intervenção do corpo de bombeiros voluntários da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários Tirsense, de Lordelo e de Rebordosa que o extinguiram.

O detido, de 52 anos de idade, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo ficado sujeito, para além de termo de identidade e residência, a obrigação de apresentações bissemanais à autoridade policial competente e de efetuar tratamento clinico.

No corrente ano a Polícia Judiciária já identificou e deteve 14 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª pagina edição Papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização