https://autosolucoes.pt/dia-do-cliente/

Parque Canino está a nascer no Parque Urbano Sara Moreira

Já arrancaram as obras de construção do Parque Canino Municipal. O novo equipamento, que está a ser implementado no Parque Urbano Sara Moreira, representa um investimento da Câmara de Santo Tirso superior a 50 mil euros e deverá ficar concluído antes do final do ano.

“Este projeto surge no seguimento das políticas de proteção animal que a Câmara Municipal tem vindo a levar a cabo”, adianta o presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Alberto Costa. “Queremos criar um espaço dedicado ao lazer e recreio dos animais e garantir, ao mesmo tempo, condições para ensino e treino”, refere o autarca, lembrando que a escolha do Parque Urbano Sara Moreira não foi feita ao acaso. “A aposta num local de destaque e com fácil acessibilidade eram pontos estratégicos e, por isso, trazer o parque canino para o coração do Parque Sara Moreira é demonstrativo da dignidade que queremos para este tipo de equipamento”, explica.

O objetivo, garante, é que “seja possível trazer os animais para atividades rotineiras dos seus donos, garantindo um espaço amplo onde podem andar sem trela e socializar com outros animais”. À questão da sensibilização para a importância de dar resposta às necessidades dos animais alia-se, destaca o presidente, “a necessidade de acompanhamento por parte dos seus donos”. “Queremos que todos os animais estejam seguros e, para isso, é importante que as pessoas os acompanhem de perto, enquanto lá estão, e cumpram todas as regras de funcionamento”, sublinha.

Com uma área total de 3400 metros quadrados (m2), as obras no Parque Canino Municipal já estão em andamento e irão permitir a criação de duas zonas distintas: 650m2 para animais de pequeno porte e 1300m2 para animais de grande porte. Além destas duas áreas, existirá, ainda, uma antecâmara de acesso com 50m2.

“Todo o parque será vedado, garantindo a segurança dos animais e dos seus tutores, bem como de todos os munícipes que utilizam o Parque Sara Moreira”, refere Alberto Costa. O espaço será, ainda, dotado de bebedouros, dispensadores de sacos para recolha de dejetos dos animais e equipamentos de treino/lazer canino. A possibilidade de realização de provas competitivas ou tarefas de busca e salvamento serão outras valências do parque.

Leia também...