Oriental impõe segunda derrota consecutiva ao Desp. Aves

O Oriental, que não vencia há quatro jogos, impôs hoje a segunda derrota consecutiva ao Desportivo das Aves, ao triunfar na Vila das Aves por 1-0, em jogo da 31.ª jornada da Segunda Liga.

Derrotado a meio da semana pelo Benfica B (2-1), no Seixal, a equipa de Ulisses Morais conheceu hoje a segunda derrota frente ao Oriental, que, a dez minutos do fim, soube aproveitar um momento de desatenção da defesa do clube minhoto para, através de Tom, assegurar os três pontos.

O ‘nulo’ que se registava ao intervalo não traduzia o que sucedeu em campo durante a primeira parte, uma vez que as duas equipas jogaram abertamente ao ataque e, em quatro remates com perigo, três acertaram nos postes.

Com Fernando Silva muito ativo na esquerda, o Desportivo das Aves quase festejou depois de o brasileiro (13) assistir Guedes que atirou cruzado ao poste da baliza lisboeta.

O Oriental respondeu em dose dupla, primeiro num desvio de cabeça de Hugo Grilo (22) – após livre cobrado por Bruno Aguiar da esquerda -, que fez a bola pingar sobre a barra, seguindo-se, à meia hora de jogo, um remate rasteiro de Tiago Mota, que da entrada da área acertou no poste.

O jogo seguia vivo e o Desportivo das Aves voltou a criar perigo quando Pedró, da meia-lua, fez a bola passar junto ao poste esquerdo da baliza do Oriental, na última situação de perigo da primeira parte.

Já na segunda parte, o Oriental assustou os locais, quando Quim (48) saiu a um cruzamento, largou a bola e surgiu Tom a rematar para a baliza deserta, desviando num defesa e saindo sobre o travessão.

Sem ideias mas também sem espaços no meio-campo adversário, o Desportivo das Aves só aos 72 minutos, num remate de Pedró ao lado, esteve perto do golo, acabando por se ver em desvantagem aos 80 minutos.

Da linha lateral, André Almeida fez um lançamento que ninguém na pequena área avense cortou, surgindo Tom, no segundo poste, a finalizar e selar o resultado.

 

Fonte: Lusa

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem