https://www.facebook.com/associacaocomercialindustrialsantotirso/

https://muroplaco.pt/pt

Nova incubadora Famalicão Made IN estimula a sustentabilidade

A sustentabilidade é a palavra de ordem da nova incubadora de empresas de Vila Nova de Famalicão, cuja abertura foi hoje assinalada pelo Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha. Localizadano CIIES – Centro de Investigação, Inovação e Ensino Superior, em Vale S. Cosme,  a estrutura está preparada para acolher de imediato 10 startups que vão beneficiar de um ecossistema potenciador da inovação, uma vez que, no mesmo espaço está instalado o novo Centro Tecnológico das Carnes, o Instituto Politécnico do Cávado e do Ave e o laboratório de formação, investigação e conhecimento da Universidade do Minho.

“Deram-nos todas as condições que precisamos para termos sucesso no nosso projeto” diz Rita Duro, uma das primeiras inquilinas da incubadora, criadora da IDuro, marca que se dedica criação e comercialização de calçado e outro vestuário com aplicação de novos materiais, tendo em vista a reutilização dos produtos.

As candidaturas à ocupação do espaço estão abertas a partir do portal oficial do Famalicão Made In (www.famalicaomadein.pt).

“Queremos que esta incubadora estimule o surgimento de projetos que sejam sustentáveis, mas queremos também que os projetos que aqui nasçam ajudem à sustentabilidade de outras empresas”, afirmou o Paulo Cunha explicando que “infelizmente sabemos que muitos projetos empresariais provocarão o esgotamento dos recursos naturais e nós temos que combater esta tendência criando no mercado condições para que os projetos empresariais possam conviver com esses mesmo recursos naturais assegurando a longevidade dos mesmos”.

O autarca referiu ainda que a aposta nesta incubadora “é também um sinal da postura da Câmara Municipal e do propósito que temos para que as nossas empresas também sejam bem sucedidas”.

Refira-se que a rede Incubadora Famalicão Made IN pertence à Rede Nacional de Incubadoras e pretende fixar, apoiar e promover novos negócios que acrescentem valor à já sólida indústria do concelho, no sentido de robustecer a economia local com projetos inovadores, competitivos e com vocação internacional, capazes de promover e incentivar o emprego qualificado, contribuindo para a afirmação de Famalicão como um ecossistema que facilita e promove o desenvolvimento empresarial.

Um dos pilares deste ecossistema é a Rede Famalicão Empreende cujas entidades que a compõem – locais, regionais e nacionais – podem dar o melhor acompanhamento nas áreas da qualificação, inovação, investigação, internacionalização e financiamento às startups incubadas.

Algumas das vantagens da rede Incubadora Famalicão Made IN é o facto de estar acreditada pelo IAPMEI para prestação de serviços de incubação; fomentar e potenciar oportunidades de negócio junto de parceiros empresariais; presta acompanhamento em processos de internacionalização de startups, entre outros benefícios.

A inauguração da incubadora dedicada à sustentabilidade surge no contexto de comemoração do  6.º aniversário de instauração do projeto Famalicão Made In, a grande aposta do Município para promover o crescimento económico e social do concelho, através da promoção de um contexto municipal facilitador da iniciativa empresarial.

Recorde-se que para além desta incubadora localizada no CIIES, o município tem mais duas incubadoras, uma localizada no polo da Riopele, dedicada aos serviços para a indústria e outra localizada no polo Edifício Globus dedicada aos serviços gerais.

No total, as duas incubadoras já receberam a instalação de 33 startups e a criação de 54 postos de trabalho.

Leia também...