https://autosolucoes.pt/

Mercadona substituiu sacos de plástico por outros feitos de fécula de batata

A Mercadona, retalhista com lojas abertas em Santo Tirso e Trofa e previsão de abertura em Famalicão este ano, cumpriu a primeira das seis metas da Estratégia 6.25, no âmbito da sustentabilidade. Nas lojas, foram eliminados os sacos de plástico de uso único em todas as secções e adotados os sacos compostáveis feitos de fécula de batata, que, depois de utilizados, devem ser depositados no contentor de lixo orgânico.

“Esta informação está indicada através do pictograma incluído nos sacos, com a intenção de informar os clientes como fazer a separação e reciclagem adequada dos seus resíduos. Este símbolo foi também incorporado nos restantes sacos na linha de caixas, em três opções de sacos reutilizáveis e sustentáveis disponíveis na Mercadona”, explicou o retalhista em comunicado.

Com esta medida, a Mercadona estima reduzir, por ano, 3200 toneladas de plástico nas superfícies.

“A Estratégia 6.25 tem o triplo objetivo de, até 2025, reduzir 25% do plástico das embalagens, ter todas as embalagens de plástico recicláveis e reciclar todos os resíduos de plástico gerados nas suas instalações. Este objetivo está a ser cumprido através de um total de seis ações que envolvem modificações em diferentes processos da empresa, desde redesenhar as embalagens em coordenação com os fornecedores, a adequar lojas e logística, a gestão de resíduos, entre outros”, detalha a marca, que vai investir “mais de 140 milhões de euros” até 2025 no âmbito desta estratégia.

A Mercadona criou uma equipa de trabalho transversal para identificar e definir as mudanças a implementar nos diferentes processos da linha de montagem.

A empresa começou a trabalhar nesta estratégia em 2019, envolvendo todos os colaboradores no desafio de “Continuar a cuidar do Planeta” e tornar os diversos processos da linha de montagem mais sustentáveis.

A Mercadona possui uma equipa de trabalho que coordena todas as áreas de atuação da Estratégia 6.25, que é composta por trabalhadores dos diferentes departamentos da empresa, como Lojas, Prescrição, Informática, Compras, Logística, Finanças, Recursos Humanos, Relações Externas e Obras.

Nos últimos quatro meses, a Mercadona adaptou um total de 72 lojas em Espanha e Portugal ao modelo de Loja 6.25, que será alargado a toda a cadeia durante 2021. Em Portugal já existe um supermercado com este conceito, em Matosinhos (Porto).

Nestas lojas, onde é possível observar os avanços da Estratégia 6.25, têm como objetivo ouvir a opinião de clientes e colaboradores sobre todas as ações que a empresa está a desenvolver nesta área. Neste período, foram recebidas mais de 5.000 opiniões e sugestões, tanto de clientes como de colaboradores, que ajudam a melhorar a aplicação das diferentes ações definidas para reduzir o plástico e promover a economia circular.

Leia também...