Select Page

Mecanismo antifurto de aluno da Didáxis vence concurso

Mecanismo antifurto de aluno da Didáxis vence concurso

“PMC – Protect my car”. É este o nome do projeto vencedor da quinta edição do concurso “O Meu Projeto é Empreendedor”, dirigido aos alunos finalistas do ensino profissional de Vila Nova de Famalicão.
O autor da ideia chama-se José Miguel Santos é estudante do curso de Técnico de Eletrónica, Automação e Computadores da Didáxis de Riba D’Ave e desenvolveu, sob a orientação do professor Pedro Dinis, um mecanismo antifurto de automóveis capaz de detetar o movimento do automóvel e a vibração ou o levantamento do carro para furto das jantes. A ideia valeu-lhe o lugar mais alto do pódio do concurso. No final da cerimónia, a satisfação era evidente e com o prémio o estudante “gostaria de expandir o produto para o mercado”.
O 2.º lugar foi para o aluno Pedro Ribeiro, da CIOR, que apresentou um dispositivo, “Sentinela”, que mede vários parâmetros do ar nas habitações e alerta o proprietário por e-mail ou através de aplicação móvel. Já o último lugar do pódio foi para a dupla Alexandre Moita e Ricardo Campos, da Escola Secundária D. Sancho I, que desenvolveu um trabalho denominado “Por um Futuro Cultural”. Para a FORAVE foi ainda uma menção honrosa, pelo projeto “Máquina Trituradora de Garrafas de Vidro”.
O concurso envolveu 36 projetos das escolas CIOR, FORAVE, Escola Secundária D. Sancho I, Instituto Nun’Alvres e Didáxis, dos quais dez chegaram à final. As decisões foram tomadas por um júri independente, composto por elementos das instituições patrocinadoras dos prémios, nomeadamente Louropel, CEVE – Cooperativa Elétrica do Vale d’Este, ACIF- Associação Comercial e Industrial de Famalicão, um representante do IEFP (Instituto de Emprego e Formação Profissional) e um representante da Famagrow – Associação de Business Angels de Vila Nova de Famalicão, que tiveram em conta o facto de os projetos preencherem as necessidades reais do mercado.
Os projetos vencedores, além de terem potencial para serem desenvolvidos por empresas da região, receberam 1000, 500 e 250 euros, respetivamente.

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª pagina edição Papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização