https://autosolucoes.pt/dia-do-cliente/

Luís Portela (Bial) recebe chave da cidade da Trofa no dia do concelho

A Câmara Municipal da Trofa aprovou por unanimidade, esta quinta-feira, 18 de novembro, em Reunião de Câmara, a atribuição da primeira CHAVE DA CIDADE, da história do jovem Concelho da Trofa, a Luís Portela.

Esta distinção teve por base “o seu currículo pessoal, profissional, empresarial, cívico e científico, o seu prestígio nacional e internacional, a sua notoriedade no contexto académico português e internacional, o seu enorme contributo para o desenvolvimento da ciência e da investigação em Portugal e no mundo, como Fundador e Presidente da Fundação Bial, instituição internacional, aclamada em vários países, que apoia e permite o progresso da ciência, do conhecimento e da investigação na área da saúde, e por ter sido o timoneiro da projeção mundial da maior farmacêutica portuguesa, BIAL, localizada em São Mamede do Coronado (Trofa), desde 1996.”https://googleads.g.doubleclick.net/pagead/ads?gdpr=1&us_privacy=1—&gdpr_consent=CPP4m41PP4m41AKAkAPTB1CsAP_AAH_AAB6YIXNf_X__bX9j-_59f_t0eY1P9_r3v-QzjhfNt-8F2L_W_L0X42E7NF36pq4KuR4Eu3LBIQNlHMHUTUmwaokVrzHsak2cpyNKJ7LEmnMZO2dYGHtPn9lTuZKY7_78__fz3j-v_t_-39T378X_3_d5_Wu–_O_V399zLv9____39nN___9v-_98ELgCTDUvIAuzLHBk2jSqFECMKwkKgFABRQDC0RWADA4KdlYBHrCFgAhNQEYEQIMQUYMAgAEEgCQiICQAsEAiAIgEAAIAUICEABEwCCwAsDAIABQDQsQIoAhAkIMjgqOUwICpFooJbKwBKCvY0wgDLfAigUX0VGAjWaIFgZCQsHMcASAl4skDyAA.YAAAAAAAAAAA&client=ca-pub-7399375963878678&output=html&h=325&adk=247928227&adf=2642941215&pi=t.aa~a.3486721017~i.1~rp.4&w=390&lmt=1637262496&num_ads=1&rafmt=1&armr=3&sem=mc&pwprc=2448653773&psa=0&ad_type=text_image&format=390×325&url=https%3A%2F%2Fwww.onoticiasdatrofa.pt%2Fluis-portela-bial-recebe-chave-da-cidade-no-dia-do-concelho%2F&flash=0&fwr=1&pra=3&rh=260&rw=311&rpe=1&resp_fmts=3&sfro=1&wgl=1&fa=27&dt=1637262496697&bpp=4&bdt=5517&idt=4&shv=r20211111&mjsv=m202111110101&ptt=9&saldr=aa&abxe=1&cookie=ID%3Da718b5caba2a1fe4-22d9f99ebace00e4%3AT%3D1637262517%3ART%3D1637262517%3AS%3DALNI_MZiJ4d3WlVyXJrLgh3Aonc-j-pjSQ&prev_fmts=0x0&nras=2&correlator=4911981552134&frm=20&pv=1&ga_vid=996023140.1637262495&ga_sid=1637262496&ga_hid=2011398172&ga_fc=1&u_tz=0&u_his=1&u_h=844&u_w=390&u_ah=844&u_aw=390&u_cd=32&adx=0&ady=1084&biw=390&bih=666&scr_x=0&scr_y=0&eid=31063736%2C31060047%2C31062930&oid=2&pvsid=119744631000632&pem=31&tmod=664238425&eae=0&fc=1408&brdim=0%2C0%2C0%2C0%2C390%2C0%2C390%2C844%2C390%2C666&vis=1&rsz=%7C%7Cs%7C&abl=NS&fu=128&bc=31&ifi=2&uci=a!2&btvi=1&fsb=1&xpc=kodwz0M3Jg&p=https%3A//www.onoticiasdatrofa.pt&dtd=18

A proposta apresentada a Reunião pelo Presidente da Câmara Municipal da Trofa, Sérgio Humberto, justamente para assinalar também a efeméride do 23º Aniversário do Município da Trofa, lembra a importância deste reconhecimento, pois “um país sem memória é um país sem futuro e que o reconhecimento de individualidades e instituições nacionais e internacionais, que a partir do nosso território, se destacam e se projetam para os quatro cantos do planeta, evidencia uma característica singular da nossa história e da nossa identidade, construída não num caminho de sentido único, mas no encontro entre muitos contributos que deixam a sua marca perene na nossa narrativa”.

A Bial tem fábrica na Trofa e 10 filiais, e emprega hoje 1.011 pessoas, dos quais 10% são doutorados, tendo 150 profissionais a trabalhar em I&D, de 17 nacionalidades.

Exportando para 60 países, fechou o pandémico ano de 2020 com uma faturação de 344 milhões de euros, mais 11,3% do que no ano anterior, com 80% a ser garantida nos mercados externos.

Leia também...