Leixões dita terceira derrota consecutiva do Desp. Aves

Com dois golos de Ricardo Barros e outro de Bruno Lamas o Leixões impôs hoje a terceira derrota consecutiva ao Desportivo das Aves, ganhando por 3-1, em jogo da 32.ª jornada da II liga em futebol.
Autor de dois golos na 16.ª jornada, na receção ao Sporting da Covilhã, Ricardo Barros voltou a mostrar pontaria em casa e foi decisivo para o consumar da vitória do clube de Matosinhos, marcando logo após Theo Mendy empatar, acabando Bruno Lamas, após o recomeço, por sentenciar a partida.

A vencer desde o quarto minuto, depois do poste devolver uma bola batida de livre direto por Bruno Lamas, aproveitada por Ricardo Barros aproveitou para abrir o marcador, o Leixões teve muitas dificuldades em suster o crescimento gradual do Aves.

Ainda que só nos minutos derradeiros da primeira parte tenham voltado a haver golos, o Aves mostrou argumentos para chegar antes ao empate, pecando, contudo, no último passe.

Até que Jander (43 minutos) arrancou pela esquerda para a área, deixando para trás Rateira, rematou, com a bola a desviar em Ricardo Moura, surgindo então Theo Mendy, com o peito, entre os centrais, a repor a igualdade.

A equipa da casa aproveitou os descontos para recuperar a vantagem, novamente com a dupla Bruno Lamas e Ricardo Barros a combinar para uma finalização do avançado que passou sobre Quim, que saíra para tentar fazer a mancha.

No recomeço, Bruno Lamas (56) aumentou a sua influência no jogo, acorrendo ao cruzamento da direita de Alemão para bater Quim com um remate cruzado e em força.

E depois de Quim tirar o quarto golo a Slim (56), outro recém-entrado, Diallo (68), atirou de longe sobre a barra e Serhii (79) sem oposição na área, atirou cruzado junto ao poste direito.

Já nos descontos, Nélson Pedroso viu o segundo cartão amarelo e acabou expulso.

Lusa

Foto: arquivo (Vasco Oliveira)

 

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem