https://www.facebook.com/associacaocomercialindustrialsantotirso/

https://muroplaco.pt/pt

Igreja vive Semana de Oração pelos Seminários

A Igreja vive e celebra entre os dias 1 e 8 de Novembro, a Semana de Oração pelos Seminários, que se apresenta, desta feita, subordinada ao lema “O Senhor chamou os que queria e foram ter com Ele” (Mc 3, 13).

Assim, ao longo destes dias, todos os cristãos são particularmente convidados a intensificar a sua oração pelos Seminários, “coração da Diocese”, que “devem estar no quotidiano da vida eclesial”. Com eles “caminhamos sinodalmente”, nomeadamente através da “oração”, como refere D. Jorge Ortiga na mensagem que escreveu para esta semana.

Por sua vez, D. António Augusto Azevedo, presidente da Comissão Episcopal das Vocações e Ministérios, recorda-nos que os Seminários são, pela sua natureza e missão, “comunidades que congregam aqueles que o Senhor chamou à vocação sacerdotal e se dispuseram a ir ter como Mestre para aprender com Ele e configurar a vida coma Sua, preparando-se assim para serem discípulos missionários. Neste sentido se pronunciou a XV Assembleia Ordinária do Sínodo dos Bispos de 2018, reafirmando que «os seminários e casas de formação são lugares de grande importância onde os jovens, chamados ao sacerdócio e à vida consagrada, aprofundam a sua escolha vocacional e a amadurecem no seguimento»”.

Nós, cristãos do Arciprestado de Vila Nova de Famalicão, somos convidados a rezar especialmente pelos Seminários da nossa Arquidiocese de Braga, isto é, pelos seus seminaristas, mas também pelos seus formadores e por todos os que ali trabalham e colaboram.

De resto, para melhor vivermos e celebrarmos esta semana, realiza-se uma Vigília de Oração pelos Seminários, no dia 6, sexta-feira, às 21h15. Devido à evolução da pandemia associada ao vírus Covid-19, esta celebração decorrerá não apenas de modo presencial, mas também em formato online, com transmissão nos canais da Arquidiocese de Braga. Estamos todos convidados a unirmo-nos a este momento, para que, “congregados e comprometidos em Igreja, rezemos para que os Seminários sejam comunidades vivas de discípulos de Cristo e irmãos no presbitério e para que todos nós, assim como as nossas famílias e comunidades, possamos, também deste modo, ser edificadores de uma Igreja Sinodal e Samaritana”.

Leia também...