Select Page

FC Porto B vence 4-2 e acaba com invencibilidade do Famalicão

FC Porto B vence 4-2 e acaba com invencibilidade do Famalicão

O FC Porto B venceu hoje por 4-2 em casa do Famalicão, na sexta jornada da Segunda Liga, subindo ao segundo posto e terminando com a invencibilidade dos famalicenses.

Um ‘bis’ de Graça (11 e 36 minutos), ao que se somam golos de Pité (17) e André Silva (57), deram a vitória à formação orientada por Luís Castro, enquanto Daniel Ramos viu Correia (21 minutos) e Amessan (90) assinarem os golos do conjunto da casa.

Em caso de vitória, qualquer uma das equipas ascenderia ao segundo posto e ficaria a apenas dois pontos da liderança. Talvez por isso, tendo mais a perder do que uma formação B, o Famalicão entrou nervoso no encontro, mas a verdade é que mesmo em desvantagem nunca desistiu.

Aos onze minutos, Graça, após passe de Gleison, deu vantagem aos ‘dragões’ e bastou esperar seis minutos para ver o FC Porto aumentar a vantagem, por intermédio de Pité, que bateu um livre de forma forte e colocada, sem hipóteses para Murta (17 minutos).

Surpreendido por este arranque rápido, mas também com culpa por ter permitido tanta eficácia, o Famalicão procurou reagir e chegou mesmo a diminuir a desvantagem com um golo de Correia, que completou de cabeça um cruzamento de Mendes (21 minutos).

Os locais animaram e podiam ter empatado, com Correia, aos 26, e Mércio, aos 35, a aparecerem praticamente sem oposição perante Gudiño, mas ambos desperdiçaram com ‘tiros’ ao lado.

Frente a frente estava uma defesa experiente mas a pecar na lentidão, a do Famalicão, e um ataque muito irreverente, o do FC Porto B, caraterísticas que explicam o terceiro golo dos ‘azuis e brancos’, já que Graça, numa recarga, completou o que Ismael tinha iniciado, depois de ‘roubar’ a bola a Daniel.

Após o intervalo, imaginava-se que o Famalicão intensificaria a reação, mas a má entrada de Amessan, que foi substituir Medeiros na ala esquerda mas acabou o jogo na direita, ‘atrasou’ o processo e André Silva soube aproveitar para ampliar a vantagem, aos 57 minutos.

O Famalicão ainda voltou a reduzir, aos 90, por Amessan, que converteu um livre fruto de uma falta que ditou a expulsão de Verdasca, que viu o segundo amarelo.

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª pagina edição Papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização