Famalicense foi ouro no Europeu de wushu

Tomás Marques fez história com a sua participação no 16.º Campeonato da Europa de Wushu, que decorreu em Moscovo, na Rússia, entre os dias 14 e 20 de maio.
O atleta da Jing-She Associação Desportiva de Wushu, a representar a Seleção Nacional, foi o primeiro português a conquistar a medalha de ouro em Nandao (sabre do sul), 9-11 anos. A esta medalhada, a comitiva da Seleção Nacional juntou mais oito, sendo que seis foram conquistadas pelos atletas famalicenses da Jing-She.
Além da medalha de ouro, Tomás Marques (9-11 anos) ficou em 3.º lugar em Nanquan (punhos sul) e foi vice-campeão Europeu de Nangun (bastão sul). Já Bernardo Vieira (9-11 anos) foi Bronze em Changquan (punhos norte) e vice-campeão europeu de Jianshu (espada) e em Qiangshu (lança). José Amorim (12-14 anos) foi 4.º em Changquan cadetes e em Daoshu (sabre norte) e 7.º classificado em Gunshu (bastão norte). Já Gabriel Cunha (12-14 anos) foi 8.º em Changquan cadetes e 6.º em Jianshu cadetes. Para os treinadores da Jing-She, Alexandre Oliveira e Ana Rita Rego, estes resultados são “a consolidação do seu trabalho e investimento na alta competição com o objetivo de elevar o Wushu português”.
Ana Rita Rego, treinadora, também juiz nacional de Wushu há cinco anos, frequentou formação específica da Federação Europeia de Wushu (EWUF) prévia à competição, tendo sido aprovada com o Grau Europeu de Juiz C de Wushu e obtendo também o 1º Duan Europeu de Wushu. No seguimento desta graduação, a juiz portuguesa ajuizou juniores e seniores, em todos os dias de provas do Campeonato da Europa.

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem