Select Page

Famalicão perdeu nos penaltis com o Feirense

Famalicão perdeu nos penaltis com o Feirense

 O Feirense venceu hoje no reduto do Famalicão no desempate por grandes penalidades (5-4), num jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal em futebol que terminou com menos um jogador para cada lado.

Os famalicenses estiveram a vencer durante meia hora, com um golo de Mércio, aos 56 minutos, mas deixaram-se empatar a dois minutos do fim do tempo regulamentar, aos 88, com Mukula a ‘atirar’ a partida para um prolongamento.

Os 30 minutos suplementares foram mornos e cautelosos, o que culminou na marcação de grandes penalidades, tendo a equipa de Santa Maria da Feira levado a melhor: os locais falharam duas, enquanto os forasteiros desperdiçaram apenas uma, com o guarda-redes do Feirense, Makaridze, a defender o penúltimo pontapé e a apontar o último.

O facto de serem equipas do mesmo escalão explica o equilíbrio, embora o Famalicão tenha demonstrado tendências mais atacantes, enquanto a equipa de Santa Maria da Feira precisou de estar em desvantagem no marcador e com mais um jogador para se tornar mais ofensiva.

Só após o intervalo, aos 56 minutos, Mércio conseguiu quebrar o ‘nulo’, com um remate forte à entrada da área e de frente para baliza, mas, dois minutos depois, Daniel Ramos viu a sua equipa reduzida a 10 homens, por expulsão de Daniel.

Depois de ter iniciado a partida com uma linha defensiva tradicional, o treinador do Feirense sacrificou Micael Freire, passando a jogar só com três defesas, e fazendo entrar o avançado cabo-verdiano Kukula, que marcaria o golo do empate a dois minutos do fim, de cabeça.

O jogo estava condenado ao prolongamento, mas, antes, nos descontos do tempo regulamentar (90+6), Fabinho ainda viu um segundo amarelo, equilibrando o número de jogadores em campo.

Jogo no Estádio Municipal de Famalicão, em Vila Nova de Famalicão.

Famalicão – Feirense, 1-1 após prolongamento (4-5 no desempate por grandes penalidades).

Ao intervalo: 0-0.

No final do tempo regulamentar: 1-1.

Marcadores:

1-0, Mércio, 56 minutos.

1-1, Kukula, 88.

Marcadores nos desempates por grandes penalidades:

0-0, Amessam (atirou à barra).

0-1, Platiny.

1-1, Mendes.

1-2, Serginho.

2-2, Lima.

2-3, Vasco Rocha.

3-3, Luiz Alberto.

3-4, Ícaro.

4-4, Joel.

4-4, Erivaldo (defesa do guarda-redes).

4-4, Correia (defesa do guarda-redes).

4-5, Makaridze.

Equipas:

– Famalicão: Chastre, Daniel (Joel, 62), Silvério, Luiz Alberto, Jorge Miguel, Mércio, Lima, Alonso, Medeiros (Amessam, 97), Leandro (Correia, 78) e Mendes.

(Suplentes: Emanuel, Diogo Santos, Vilaça, Eder Diego, Correia, Joel e Amessan).

Treinador: Daniel Ramos.

– Feirense: Makaridze, Micael Freire (Kukula, 75), Ícaro, Nuno Diogo, Serginho, Vieirinha (Fabinho, 61), Semedo, Rúben, Vasco Rocha, Erivaldo e Porcellis (Platiny, 61).

(Suplentes: Otavio, Fabinho, Mika, Cris, Kukula, Emmanuel e Platiny).

Treinador: Nuno Santos.

Árbitro: João Capela (Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Leandro (22), Mércio (25), Ícaro (32), Daniel (34 e 58), Rúben (59), Erivaldo (77), Vítor Lima (77), Fabinho (90+2 e 90+6), Correia (91), Mendes (96) e Nuno Diogo (120). Cartão vermelho, por acumulação de amarelos para Daniel (58) e Fabinho (90+6).

Assistência: Cerca de 1.500 espetadores.

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª pagina edição Papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização