Auto Soluções

Famalicão homenageou a força e exemplaridade das suas gentes

“Não sei o que futuro me reserva, mas sei que no centro da minha ação estará sempre Vila Nova de Famalicão”. A garantia foi deixada por Paulo Cunha, ex-presidente da autarquia, que agora é Cidadão Honorário do Município de Famalicão.

O reconhecimento foi atribuído na sessão solene comemorativa do 37.º aniversário da elevação de Vila de Famalicão à categoria de cidade, que decorreu este sábado, 9 de julho, nos jardins dos Paços do Concelho.

O presidente da autarquia, Mário Passos, fala num reconhecimento “mais do que justo”.

“O Dr. Paulo Cunha exerceu os seus dois mandatos com alto sentido de responsabilidade, aliado a uma visão estratégica que alavancou a marca Famalicão para níveis internacionais. Houve rasgo, houve trabalho, arte e engenho, houve inovação e ambição e muita da força e luminosidade associada hoje à marca Famalicão vem deste legado inapagável e estruturante que importa proteger e replicar”, enalteceu o edil, cuja ação à frente dos destinos da autarquia mereceu também rasgados elogios por parte do seu antecessor.

“Deixo aqui um reconhecimento público pela sua visão e determinação ao serviço de Famalicão. Os seus primeiros meses de governação são uma demonstração inequívoca da assertividade dos famalicenses na sua eleição”, acrescentou Paulo Cunha.

Refira-se que na cerimónia de sábado foram ainda entregues mais 36 galardões municipais nas mais diversas áreas de ação na comunidade, desde a benemerência à cultura, do desporto à economia e ao mérito autárquico.

Mário Passos enalteceu o contributo importante que todos os homenageados deram para a coesão e crescimento de Vila Nova de Famalicão. “O vosso trabalho, empenho e dedicação nas mais diversas áreas contribuíram e continuarão a contribuir para a nossa grande memória coletiva que se chama Vila Nova de Famalicão”, acrescentou.

Sobre o paradigma atual da cidade e do concelho, o autarca acredita que os famalicenses têm motivos para estarem orgulhosos e que o futuro trará ainda mais razões para celebrar. “Hoje, somos reconhecidos no país como um município dinâmico e empreendedor, que aposta no ambiente, na economia, na cultura, na educação, na solidariedade e no desporto. Defendemos um território equilibrado em que a cidade é a face mais visível de um concelho harmonioso, dinâmico e ambicioso”, disse.

Recorde-se que nas comemorações deste 37.º Dia da Cidade foram então homenageados 37 personalidades e instituições famalicenses pelos serviços de relevância que prestaram ao concelho no decurso das suas atividades.

Refira-se que para além de Paulo Cunha, que foi presidente da autarquia entre 2013 e 2021, Mário Passos entregou ainda a Medalha de Mérito Cultural aos chefes Álvaro Costa e Lígia Santos, aos jornalistas Rui Lima, Cristina Azevedo e Sandra Gonçalves, aos professores Lopes Cordeiro e Martins Vieira (a título póstumo) e ao presidente do Núcleo de Ribeirão da Liga dos Combatentes, José Ferreira dos Santos. A Medalha de Mérito Económico foi atribuída aos empresários Albino Mesquita Ribeiro, António Martins Couto, Carlos Alberto Fernandes da Silva, Carlos Moreira da Silva, Francisco Oliveira, Manuel Leitão de Oliveira e Silva e Maria Leonor Seara Barroso Oliveira. Já o mérito desportivo foi este ano para Carlos Alberto Perliteiro, do Liberdade Futebol Clube, e para Rui Grenha (a título póstumo), do Grucamo. No mérito autárquico, nota ainda para a homenagem a seis vereadores que cessaram funções – Célia Castro, José Santos, José Pedro Sena, Leonel Rocha, Nuno Sá e Vítor Pereira – e aos ex-presidentes de Junta de Riba de Ave, Susana Pereira, de Vermoim, Manuel Carvalho, e de Carreira e Bente, Agostinho Veiga. Em termos de instituições, a autarquia distinguiu na dimensão cultural os agrupamentos de escuteiros de Gavião, São Cosme, Oliveira Santa Maria e Cruz, e a Koklus – Associação Juvenil de Fradelos. Com o mérito económico as empresas Fogos de Artifício Varziela, Lavandaria Tamico e Manuel de Sousa Lopes, S.A. No desporto, a Escola de Karaté Shotokan de Delães. O Centro Social Sol Nascente foi também homenageado na área da benemerência.

Leia também...