Select Page

Estas bolachas estão “a viver uma revolução”

Estas bolachas estão “a viver uma revolução”

Indústria. Vieira de Castro chegou aos 75 anos e está a investir €12 milhões, projetando uma nova fábrica nos próximos cinco anos.

O aroma adocicado que se espalha pela rua não engana. Ali fazem-se bolachas. E fazem-se também amêndoas e rebuçados. São três fábricas, com uma área coberta de 42 mil metros quadrados. Produzem 16.600 toneladas por ano, em Famalicão, e estão prontas para crescer, num investimento de €12 milhões.

“Já temos projetada mais uma fábrica, dedicada às bolachas, para os próximos cinco anos. Fomos adquirindo terrenos à volta, para garantir a possibilidade de expansão, e temos tudo licenciado”, diz Ana Raquel Vieira de Castro, neta do fundador da empresa Vieira de Castro, onde tem o pelouro do marketing e vendas.

Leia mais no Expresso:

https://expresso.sapo.pt/economia/2019-02-09-Estas-bolachas-estao-a-viver-uma-revolucao#gs.Kt4gKBmC

Siga-nos

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização