Em Vila das Aves uma mulher foi espancada ao acordar marido que ressonava

O casal estava deitado na cama, na casa onde reside, na Vila das Aves, concelho de Santo Tirso, a 27 de fevereiro do ano passado, quando a mulher, que não conseguia dormir, pediu ao marido para ressonar mais baixo.

O homem ficou furioso com a chamada de atenção e espancou-a com murros na cabeça e pontapés nas pernas. Noutra situação, em março seguinte, a vítima foi agredida com um saco das compras e ficou a sangrar do lábio. Também os filhos eram atacados e insultados pelo pai.

O arguido, de 38 anos, está agora acusado de três crimes de violência doméstica. Diz o processo, consultado pelo CM, que as agressões começaram pouco tempo depois do casamento, em 2000. O Ministério Público refere que o homem atacava a vítima diariamente – principalmente após saber que esta tinha uma doença do foro oncológico que a impedia de trabalhar. Além dos atos físicos, o MP sublinha a violência psicológica. “Vou-te fazer a vida negra, vais penar muito. Não tenho medo dos tribunais. O juiz não vai acreditar na tua história e até vai dizer que eu tenho razão para te bater”, dizia-lhe. 

Fonte CM

Notícias relacionadas...

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização