https://www.facebook.com/associacaocomercialindustrialsantotirso/

https://muroplaco.pt/pt

Covid-19: Portugal com 7.497 novos casos

Portugal regista hoje 7.497 novos casos de infeção com o novo coronavírus, o valor diário mais elevado desde o início da pandemia, e mais 59 mortes relacionadas com a covid-19, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o boletim hoje divulgado o número de novos casos inclui o somatório de 3.570 casos, decorrentes do atraso no reporte laboratorial, principalmente de um laboratório na região Norte, desde o dia 30 de outubro.

Desde o início da pandemia, Portugal contabiliza um total de 156.940 casos confirmados de infeção pelo novo coronavírus e 2.694 óbitos.

Dos 59 óbitos, também o número diário mais elevado desde o início da pandemia, 34 ocorreram na região Norte, 18 em Lisboa e Vale do Tejo, cinco no Centro e dois no Alentejo.

Em relação aos internamentos, o número de pessoas hospitalizadas é de 2.337 (menos 12 do que na terça-feira) e destas 325 (mais cinco) estão em Unidades de Cuidados Intensivos.

As autoridades de saúde têm 65.566 pessoas em vigilância, menos 81 do que na terça-feira.

A DGS contabiliza ainda 65.300 casos ativos, mais 5.081 que nas últimas 24 horas, período em 2.357 doentes recuperaram, totalizando 88.946 desde o início da pandemia.

A região Norte continua a registar o maior número de novas infeções diárias, registando hoje mais 5.183, totalizando 72.875, e 1.206 mortos desde o início da pandemia.

Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificados 1.560 novos casos de infeção, contabilizando a região 63.250 casos e 1.057 mortes.

Na região Centro registaram-se 518 novos casos, contabilizando 13.860 infeções e 333 mortos.

No Alentejo foram registados 120 novos casos de infeção, totalizando 3.031, com um total de 53 mortos desde o início da pandemia.

A região do Algarve tem hoje notificados mais 81 casos de infeção, somando 3.032 casos e 29 mortos.

Na Região Autónoma dos Açores foram registados mais nove casos nas últimas 24 horas, somando 388 infeções detetadas e 15 mortos desde o início da pandemia.

A Madeira registou 26 novos casos nas últimas 24 horas, contabilizando 504 infeções, e um óbito até hoje.

Os casos confirmados distribuem-se por todas as faixas etárias, situando-se entre os 20 e os 59 anos o registo de maior número de infeções.

No total, o novo coronavírus já afetou em Portugal pelo menos 71. 233 homens e 85.707 mulheres, de acordo com os casos declarados.

Do total de vítimas mortais, 1.376 eram homens e 1.318 mulheres.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se nas pessoas com mais de 80 anos.

Segundo a Direção-Geral da Saúde, os dados por concelho serão atualizados durante esta semana, na sequência da reformulação dos indicadores relativos aos novos casos de covid-19.

A aplicação de medidas de controlo têm por base a incidência cumulativa a 14 dias, que corresponde ao número de novos casos nos últimos 14 dias por 100 mil habitantes.

“Pretende-se que esta seja a principal métrica utilizada na avaliação de risco de cada concelho para que os cidadãos possam acompanhar a evolução da pandemia nos concelhos”, explica a DGS numa nota de rodapé do boletim.

O confinamento parcial entrou hoje em vigor em 121 concelhos de Portugal continental onde há “risco elevado de transmissão da covid-19”, aplicando-se o dever de permanência em casa, exceto para deslocações autorizadas, como compras, trabalho, ensino e atividade física.

Além de medidas específicas para estes concelhos, a resolução do Conselho de Ministros publicada em Diário da República prolonga a declaração de situação de calamidade em todo o território nacional continental até às 23:59 do dia 19 de novembro.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,2 milhões de mortos em mais de 47,5 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Leia também...