https://muroplaco.pt/pt

Couto quer áreas metropolitanas a funcionar como autarquias

O Governo está a preparar vários pacotes descentralizadores de competências, com o intuito de “aproximar, tanto quanto possível”, o poder político do Estado, das regiões autónomas da Madeira e dos Açores, das autarquias metropolitanas, municipais e de freguesia, aos cidadãos.

Uma reforma que para Joaquim Couto, presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, faz sentido, pois, como se sabe, “quanto mais próximo o poder político está dos problemas, mais próximo está também das soluções”.

 

Reportagem para ler na edição n.º67 do Jornal do Ave

Leia também...