https://emac.autosolucoes.pt/

“Centro de Recolha Animal de Famalicão é um exemplo para o país”

O Bastonário da Ordem dos Médicos Veterinários (OMV) apontou o Centro de Recolha Animal de Famalicão (CROA) como uma inspiração e um exemplo a nível nacional. Jorge Cid esteve na passada sexta-feira, 8 de abril, no concelho famalicense para selar com a autarquia a renovação do protocolo para a atribuição de cheques veterinários.

O responsável máximo da OMV visitou o CROA acompanhado pelo presidente da Câmara Municipal, Mário Passos, e deixou rasgados elogios ao novo centro de proteção animal do concelho. “O que vi mostra um grande dinamismo e uma grande sensibilidade por parte da Câmara de Famalicão. A maioria das autarquias devia inspirar-se neste modelo. Está tudo muito bem pensado, muito eficiente e, esteticamente, muito bonito”, disse.

Com esta renovação do protocolo para a atribuição de cheques veterinários, a Câmara Municipal vai aumentar o montante disponibilizado para o efeito, passando dos atuais 45 mil euros para 50 mil.

“Este apoio começou com uma verba afeta de 15 mil euros, agora chegamos aos 50 mil e vamos continuar a aumentar se sentirmos que existe essa necessidade. Não queremos que as questões económicas sejam um impedimento para que estes animais tenham os cuidados que precisam”, apontou Mário Passos que, tal como o Bastonário da Ordem dos Médicos Veterinários, acredita que há ainda muito a fazer em Portugal no combate ao abandono animal.

Entre 2018 e 2021, mais de 1000 animais foram esterilizados, desparasitados e vacinados com recurso ao cheque veterinário, medida que arrancou em 2018 para apoiar as famílias famalicenses que não têm condições financeiras para os tratamentos médico-veterinários dos seus animais de companhia.

Recorde-se que o objetivo deste apoio passa por criar uma rede de cuidados primários médico-veterinários para animais em risco, nomeadamente no que se refere à vacinação, desparasitação e esterilização, bem como outros tratamentos e urgências 24 horas. A esta parceria estão associadas seis clínicas veterinárias do concelho.

Os interessados em beneficiar do cheque veterinário devem contactar o Balcão Único do município, que através dos serviços de ação social fará a comprovação da carência económica.
A medida abrange também as pessoas que adotarem animais no CROA de Famalicão e a própria população animal residente no CROA, nomeadamente na vacinação, desparasitação e esterilização para controlar a reprodução.

Leia também...