Select Page

Cão Danado em Famalicão

Cão Danado em Famalicão

A companhia cultural Cão Danado está de malas aviadas para o concelho de Vila Nova de Famalicão. A associação criada em 2001, assume-se como uma estrutura de criação e de produção de artes, tendo vindo a desenvolver o seu trabalho não só na área das artes performativas, mas também nas artes visuais, música, cinema e formação.

Nos últimos tempos, a companhia tem desenvolvido um conjunto de parcerias e colaborações regulares com a ACE (Academia Contemporânea do Espetáculo), escola de teatro de Famalicão, e pretende estabelecer um aprofundamento de trabalho com as várias dinâmicas culturais do concelho famalicense e da região.

A nova amplitude do projeto cultural justificaram a mudança da sede da associação para Vila Nova de Famalicão, onde ficará instalada num dos pavilhões do Lago Discount, que acolhe também desde há um ano o INAC – Instituto Nacional das Artes Circenses.

A vinda do Cão Danado é uma boa notícia para Vila Nova de Famalicão que tem vindo a reunir no seu território um conjunto de companhias, espaços e associações culturais e educativas que está a fazer do nosso concelho um espaço criação e produção artística que vai de encontro à nossa estratégia de afirmação e democratização cultural”, refere a propósito o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha.

Por sua vez, uma das responsáveis da associação, Joana Barbosa refere que “com os novos projetos na área de cruzamento disciplinar, não hesitamos em eleger a cidade de Famalicão para o desenvolvimento dos mesmos, pela sua crescente dinâmica cultural, privilegiada localização e sobretudo pela forma acolhedora como sempre nos receberam criando parcerias que iriam motivar o projeto Germinal  e (In)Formação projetos complementares à excelente oferta de formação artística nesta cidade.”

Com uma equipa constituída por mais de meia centena de elementos, entre responsáveis, atores e outros participantes, a Cão Danado pretende retomar a experiência de um espaço e de uma programação regular multidisciplinar que a estrutura teve nos anos de 2004/2006, através de parcerias para cruzamento disciplinares.

Aliás, é precisamente neste sentido que a associação está a desenvolver atualmente o projeto Germinal, aprovado pela Direção Geral das Artes (DGArtes e Ministério da Cultura) com um conjunto de atividades a decorrer em colaboração com o Parque da Devesa, em Vila Nova de Famalicão.

Neste âmbito, destaque para a residência artística com Davis Freeman, sob o tema da energia, que vai decorrer entre 10 e 20 de setembro, na Devesa, com trabalho de laboratório promovido pela equipa do Cão Danado e cerca de 40 participantes (dançarinos, atores, desportistas, estudantes, professores e quem mais se quiser juntar) para recriação do espetáculo Expanding Energy marcado para 21 de setembro, entre as 18h30 e as 20h00. Sob orientação de Davis Freeman e Leonor Keil, a participação dos músicos Jochen Arbeit e Sérgio Martins e da atriz Sara Barbosa, será preparado um cocktail de todos os problemas ambientais que promete levar os corações ao limite numa explosão de energia

As inscrições são gratuitas até ao limite de 40 participantes e os interessados devem fazê-lo através do email caodanadoproducao@gmail.com.

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª pagina edição Papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização