Auto Soluções

CÂMARA PROMOVE VISITA GUIADA AO BAIRRO OPERÁRIO DA FÁBRICA DE SANTO THYRSO

O bairro operário da Fábrica de Santo Thyrso é o cenário da próxima visita guiada ao património industrial do concelho. Depois de passar pelo interior dos complexos produtivos, o ciclo “Fiando o tempo, tecendo o passado” convida a conhecer os lugares onde viviam os trabalhadores.

Além da produção e da vida dentro das naves fabris, a indústria têxtil em Santo Tirso deixou outras marcas. O bairro operário da Fábrica de Santo Thyrso é uma delas, que poderá ser compreendida numa visita guiada, no próximo dia 16 de novembro, às 14h30, promovida pelo Centro Interpretativo da Fábrica de Santo Thyrso.

Os participantes são convidados a caminhar pelo atual bairro da Fábrica de Santo Tirso, conhecer as diferentes fases e tipologias de construção e algumas histórias dos seus habitantes. A iniciativa começa na Fábrica de Santo Thyrso, ponto de encontro para uma visita ao passado e legado da fábrica.

Construído perto da Fábrica de Santo Tirso, o bairro cresce a partir de casas construídas na década de 30 do séc. XX: o bairro velho. Este seria o embrião do futuro bairro do Teles, que começou a ser erguido durante a 2.ª Guerra Mundial e cujos trabalhos se prolongaram até à década de 60 do séc. XX em terrenos adquiridos pela empresa.

Com o crescimento industrial, desde cedo a questão da habitação operária foi importante no concelho de Santo Tirso e outros espaços do Vale do Ave. Nesta visita será possível conhecer melhor um notável exemplo da construção operária na região.

As visitas ao património industrial fazem parte de um programa que visa conhecer ou reconhecer o nosso passado industrial, as suas marcas na paisagem e na memória coletiva tirsense. Depois de idas aos complexos fabris de Santo Tirso e do Rio Vizela, chega agora a vez do bairro operário, na quarta-feira, 16 de novembro, entre as 14h30 e as 16h30.

Integrada no ciclo “Fiando o tempo, tecendo o passado”, a visita é gratuita, mediante inscrição prévia até ao dia 15 de novembro, através do email museus@cm-stirso.pt ou do telefone 252 830 400.

Leia também...