Auto Soluções

Câmara de Famalicão quer dar autonomia energética às escolas

O Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão quer dar autonomia energética às escolas do concelho. Mário Passos anunciou ontem, 28 de setembro, na cerimónia comemorativa dos 187 anos do concelho, que a autarquia está a trabalhar num plano de transição energética para os edifícios escolares que vai passar pela instalação de painéis fotovoltaicos que alimentem as instalações educativas.

Esta foi uma das ações que o autarca famalicense destacou no âmbito do compromisso municipal para a crise climática e a sustentabilidade do território. Mário Passos elegeu o  ambiente como tema central das comemorações do Dia do Concelho, reconhecendo publicamente as 57 instituições educativas de Famalicão distinguidas este ano com a bandeira Eco-Escola, e que colocaram o município no top 5 dos municípios com mais distinções no país.

“O ambiente e a sustentabilidade têm, mais do que nunca, que ser uma das prioridades da ação governativa nacional, regional e local. Temos que ser capazes de mudar paradigmas, mentalidades e hábitos. Não podemos continuar a desbaratar recursos naturais como se nada se estivesse a passar. A verdade é que não há mesmo planeta B” disse o autarca, elogiando o exemplo do trabalho desenvolvido nas Eco-Escolas, “semente de presente e de futuro para a nossa terra”.

A cerimónia decorreu na Casa do Território, no Parque da Devesa, precisamente no dia em que este comemorava a sua primeira década de existência. “Não podia haver melhor enquadramento para renovar este nosso compromisso com o ambiente”, referiu o edil, acrescentando que “o Parque da Devesa é o reflexo de bom investimento público. Um investimento que teve retorno imediato e efetivo na qualidade de vida de Famalicão. Um grande exemplo de preservação e de valorização de um espaço natural”.

Leia também...