‘Bis’ de Guedes dá vitória ao Aves no reduto do Oriental

O Desportivo das Aves alcançou hoje a segunda vitória consecutiva na II liga portuguesa de futebol, ao vencer no terreno do Oriental, por 2-0, com um ‘bis’ de Guedes, em jogo a contar para oitava jornada.
Num encontro em que se mostrou organizado e coeso defensivamente, o conjunto da Vila das Aves marcou por intermédio de Guedes, aos 16 e aos 83 minutos. O Oriental teve a única oportunidade flagrante para marcar quando João Amorim cabeceou à barra, aos 14.

O Desportivo de Aves entrou melhor na partida, assumindo o jogo e controlo da posse de bola, no entanto foi a formação de Lisboa a primeira a causar perigo para a baliza defendida por Quim, que, após canto curto cobrado da direita por Tom, aos 15 minutos, viu João Amorim cabecear com estrondo à barra.

Mas, no minuto seguinte, foi o conjunto visitante que, sem surpresas, se adiantou no marcador, por intermédio de Guedes. Depois de uma reposição lateral, Vítor Alves cruzou rasteiro para o interior da área e o avançado rematou forte, de primeira, sem hipóteses de defesa para Rafael Marques.

Até final dos primeiros 45 minutos, o Oriental não teve qualquer oportunidade flagrante de golo e foi clube da Vila das Aves que esteve sempre mais perto de voltar a ‘balançar’ as redes.

No segundo tempo, a equipa forasteira entrou com tudo e, logo aos 46 minutos, Nélson Pedroso cobrou um livre direto que permitiu a Rafael Marques a defesa da tarde, para canto. Na sequência, Pedroso bateu do lado direito e Guedes cabeceou ao poste.

À passagem do minuto 66, após canto batido por Pedró, Theo Mendy, à frente da baliza e sem oposição, conseguiu falhar escandalosamente mais uma ocasião para os avenses.

Aos 83, quando o conjunto ‘grená’ parecia estar mais perto de reduzir, foi a equipa avense a aumentar a vantagem. Após um mau atraso de Tiago Mota, a bola sobrou para Guedes, que avançou e rematou forte já dentro da grande área, batendo o guarda-redes Rafael Marques pela segunda vez.

Lusa

Foto: arquivo Desp. Aves

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem