Auto Soluções

BIAL distribuiu meio milhão de euros para apoiar combate à pandemia Covid-19

Fundo lançado pela farmacêutica portuguesa, com sede em S.Mamede do Coronado, no concelho da Trofa, ajudou dezenas de instituições e iniciativas

O fundo lançado pela BIAL para apoiar diversas iniciativas da comunidade no âmbito do combate à pandemia COVID-19 distribuiu meio milhão de euros, a totalidade da verba alocada. O fundo foi criado pela farmacêutica portuguesa em março do ano passado, pouco depois de ter sido decretado o estado de emergência.  


Ao longo do último ano e meio, as verbas foram distribuídas por várias instituições e iniciativas, tendo em conta a evolução da pandemia e as necessidades mais urgentes, seja no sector da saúde e social, como também na vertente da educação ou em campanhas de sensibilização para a população em geral. 

José Redondo, Administrador da BIAL responsável pela gestão do Fundo, sublinha que “travámos, e ainda que numa escala diferente continuamos a travar, uma batalha de âmbito global. Face à crise pandémica que afetou o mundo, mobilizámos recursos para dar resposta à pandemia em diferentes frentes. É gratificante ver a materialização do compromisso que assumimos logo no início da pandemia, o contributo que aportámos a diferentes movimentos de solidariedade e de união que, felizmente, foram sendo criados e o impacto que o Fundo teve na sociedade a diferentes níveis no combate à Covid-19”. 

Entre os vários apoios concedidos pelo Fundo da BIAL estão a oferta de equipamentos de proteção individual, esgotados durante meses no início da pandemia, e a aquisição de materiais e equipamentos de apoio aos cuidados de saúde, nomeadamente ventiladores.  

Na área da educação, BIAL enfatiza a oferta de computadores a escolas, possibilitando que o ensino à distância fosse uma realidade para vários alunos, e a concessão de bolsas de estudo, que permitiram que estudantes de famílias mais afetadas pelos efeitos da pandemia pudessem continuar os seus percursos académicos.  

BIAL associou-se também a diferentes entidades e instituições, participando em campanhas de recolha de donativos monetários e de equipamentos, nomeadamente o movimento “Todos por quem cuida”, promovido pela Ordem dos Médicos e a Ordem dos Farmacêuticos com o apoio da Apifarma, assim como em campanhas de sensibilização e educação sobre a Covid-19. 

Numa outra vertente, o fundo da BIAL contribuiu ainda para a realização de programas de rastreios de imunidade e realização de testes para o diagnóstico do SARS-Cov-2, para apoiar estudos e projetos de investigação sobre a Covid-19, colaborações com sociedades médicas e associações de doentes no desenvolvimento de programas, webinars e outros conteúdos críticos para que muitos pacientes conseguissem gerir as suas doenças no contexto da Covid-19.  

Leia também...