Select Page

Aves venceu o Leixões

Aves venceu o Leixões

O Desportivo das Aves venceu hoje o Leixões por 3-2, em jogo da 29.ª jornada da II Liga de futebol, graças a dois erros defensivos dos forasteiros, que, no espaço de um minuto, permitiram a reviravolta.

A equipa da casa abriu a contagem por Ginho (12) e, apesar de ter permitido uma primeira ‘cambalhota’ no marcador, com um autogolo de Quim (22) e um tento de Leonço (36), acabaria por vencer, graças a um golo na própria de João Pedro (49) e a um lance infeliz de Chastre, que dá o terceiro a Caballero (50).

Na Vila das Aves, registo para um início forte da formação de Emanuel Simões, que seria premiado aos 12 quando, na sequência de um canto, Ginho cabeceou de forma fulminante para o fundo das redes.

Mas, já depois de Zé Pedro (15) e Orlando (21) terem criado perigo, o Leixões chegaria ao empate, graças a um remate de Leonço que esbarrou no poste, contando depois com a ajuda de Quim que introduziu o esférico na própria baliza.

O jogo entrou então num período frenético e Leonço operaria a reviravolta, concluindo uma boa jogada de envolvimento da equipa forasteira, que terminou com Cadinha a cruzar para a cabeça do avançado brasileiro.

A etapa complementar ‘começou’ com um minuto de pesadelo para os homens de Matosinhos, por culpa de dois erros defensivos: aos 49, João Pedro tenta atrasar para Chastre, mas, face ao adiantamento do guardião, faz autogolo; imediatamente a seguir, num lance aparentemente controlado, o guarda-redes do Leixões pontapeia contra Caballero e a bola acaba no fundo das redes.

A equipa de Horácio Gonçalves acusou o golpe e, até ao final, foi o conjunto da casa quem mais perto esteve de voltar a marcar, com Chastre a somar uma série de grandes intervenções, que, ainda assim, não evitaram a segunda derrota consecutiva do Leixões e o sexto triunfo do Aves em casa, na II Liga.

Jogo no Estádio do Clube Desportivo das Aves, na Vila das Aves.

Desportivo das Aves – Leixões, 3-2.

Ao intervalo: 1-2.

Marcadores:

1-0, Ginho, 12 minutos.

1-1, Quim, 22 (própria baliza).

1-2, Tiago de Leonço, 36.

2-2, João Pedro, 49 (própria baliza).

3-2, Caballero, 50.

Equipas:

– Desportivo das Aves: Quim, Leandro (André Costa, 46), Romaric, Ginho, André Dias (Rafinha, 46), Grosso, Luís Manuel, Jorge Ribeiro, Pedro Pereira, Caballero (Júnior Pius, 87) e Perdigão.

(Suplentes: Rui Faria, Júnior Pius, José Valente, Rui Jorge, André Costa, Rafinha e Platiny.)

Treinador: Emanuel Simões.

– Leixões: Chastre, Gonçalo Graça (Pedras, 77), Pedro Pinto (Bruno Lamas, 65), Zé Pedro, João Pedro, Roberto Sousa, Cadinha, Orlando, Mendes (Alemão, 65), Tiago de Leonço e Enoh.

(Suplentes: Ricardo Moura, João Viana, Pedras, Bruno Lamas, Rui Cardoso, Hugo Monteiro e Alemão.)

Treinador: Horácio Gonçalves.

Árbitro: Carlos Xistra (Castelo Branco).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Romaric (27), Caballero (40), Enoh (45+1), Rafinha (62), Roberto Sousa (69), Zé Pedro (73), Orlando (83) e Jorge Ribeiro (86).

Assistência: Cerca de 600 espetadores.

C/Lusa

Foto: CD Aves

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª pagina edição Papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização