Associação repudia realização de garraiada na Trofa

A Associação para a Proteção do Vale do Coronado critica a realização da garraiada que consta no programa da Feira Anual da Trofa.

“O primeiro dia, sexta-feira, é o ‘Dia dedicado às crianças do concelho da Trofa’. E, nem de propósito, às 22h30, mais uma ‘Monumental Garraiada’ – e com financiamento público! Uma garraiada?!”, escreve a associação num email que enviou aos associados, considerando que “o trunfo da ruralidade fica adiado, outra vez”.

A APVC sugere, no mesmo email, o envio de um email para a Junta de Freguesia de Bougado e Câmara Municipal da Trofa a repudiar o evento, considerando que “devem ser os adultos a dar o exemplo e a tomarem atitudes de coragem para acabarem com práticas de violência que, tal como sabemos, hoje, afectam psicologicamente o desenvolvimento da criança e respectivo código de valores intrínseco”.

“O modo como tratamos os animais e como os perspetivamos denota o nosso grau de evolução. Este tipo de eventos em nada dignifica um concelho como a Trofa, nem o norte do país. É ainda lamentável que esta garraiada seja organizada e paga também com dinheiros públicos”, pode ainda ler-se na carta de contestação.

Já o ano passado, a APVC tinha tomado a mesma atitude, incentivando ao envio de um email à organização do evento a censurar a realização da garraiada que, porém, se mantém como atividade do evento.

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem