ASAE apreende 187.000 artigos contrafeitos em Famalicão e Barcelos

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica, através da sua Unidade Nacional de Informações e Investigação Criminal, no âmbito das suas atribuições na área de fiscalização das atividades económicas, designadamente no combate à contrafação desenvolveu, ontem, nos concelhos de Barcelos e de Vila Nova de Famalicão uma mega operação no decurso de uma investigação em curso em dois armazéns, após vigilância durante uma semana, pela suspeita de crime de venda de artigos contrafeitos.

Como resultado da ação, foi instaurado um processo-crime por venda, circulação e ocultação de artigos contrafeitos num valor total da apreensão que ascendeu a cerca de 4,7 milhões de euros. Para transporte da mercadoria apreendida num total de 187.000 artigos variados (têxteis, perfumes, marroquinaria, sapatilhas) para os armazéns da ASAE, tiveram de ser utilizados sete camiões TIR.

Foram ainda apreendidos 408 euros em numerário e três telemóveis, tendo efetuada a detenção de um individuo, que foi entregue ao SEF por se encontrar indocumentado em território nacional, tendo-lhe sido posteriormente aplicada pela Autoridade Judiciária a medida de coação de apresentações semanais.

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem