https://emac.autosolucoes.pt/

Armindo Araújo preparado para o Serras de Fafe

O Campeonato de Portugal de Ralis está de regresso a Fafe, onde este fim-de-semana se disputará a sexta prova da temporada e que estará integrada, este ano, no calendário do ERC (Campeonato Europeu de Ralis).

Com os principais pilotos candidatos à vitória final da competição presentes, Armindo Araújo parte para o Rallye Serras de Fafe e Felgueiras muito motivado por voltar a correr contra uma grande lista de nomes internacionais, mas preparou a prova organizada pela Demoporto, com o intuito de amealhar o maior número de pontos para as contas do Campeonato de Portugal de Ralis. “É sempre uma grande motivação podermos bater-nos com este lote de pilotos internacionais e o rali será, também por isso, ainda mais desafiante. Queremos e vamos dar o nosso melhor e espero que consigamos andar a discutir as primeiras posições da geral, mas o nosso grande objetivo é claramente o CPR”, começa por dizer o piloto do Skoda Fabia R5. 

A três provas do fim da temporada, e com a liderança do campeonato nas mãos, o campeão nacional tem, como principal foco, os adversários diretos nas contas pelo título. Por isso, “embora querendo lutar por um ótimo lugar em termos da geral, não iremos correr riscos, ou entrar em lutas com os pilotos do europeu se isso puder comprometer a nossa missão que é mantermos a liderança do campeonato e se possível aumentar a vantagem que temos sobre o segundo classificado. Faltam três provas para o fim do calendário e estamos bem encaminhados para conseguirmos a revalidação do título. É esse o foco de toda a equipa”, disse ainda Armindo Araújo.

O Rali Serras de Fafe e Felgueiras terá, sensivelmente o dobro da quilometragem da maioria das provas do CPR 2021 e contará com três dias de competição. Para sexta-feira estão reservadas as passagens pelo Free Pratice e Qualifying, que ditará a ordem de partida para a etapa de sábado. A primeira etapa terá dupla passagem por Luílhas; Sra Fá/Anjos; Agra/Zebral e Boticas, estando para domingo reservadas as passagens, também em dose dupla pelo Seixoso; Sta. Quitéria; Montim e Lameirinha. No total serão 16 provas as provas especiais de classificação e 197,04 o número de quilómetros disputados ao cronometro.

Leia também...