Select Page

Ana Bacalhau: “Tenho gratidão pelo público famalicense”

Ana Bacalhau: “Tenho gratidão pelo público famalicense”

O caminho de Ana Bacalhau cruzou-se com o mundo da música aos 15 anos, quando começou a cantar e tocar guitarra. Em 2001, era vocalista do grupo Lupanar e oito anos depois tornou-se a voz dos Deolinda. Este ano, lançou-se a solo, com o álbum “Nome Próprio” que a 2 de dezembro vai apresentar na Casa das Artes, em Vila Nova de Famalicão.

Reportagem completa para ler na edição 111 do Jornal do Ave.

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª pagina edição Papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização