Auto Soluções

Agência Nacional Erasmus+ veio conhecer as boas práticas das escolas famalicenses

A Agência Nacional Erasmus+ Educação e Formação, com responsabilidades na gestão do Programa em Portugal, esteve ontem, 17 de janeiro, em Famalicão, fazendo-se representar por uma comitiva liderada pela diretora da Agência Nacional, Cristina Perdigão. Após a receção nos Paços do Concelho, da parte da manhã, pelo Presidente da Câmara Municipal, Mário Passos, seguiu-se uma reunião de trabalho tendo em vista fazer um ponto de situação local e nacional do programa e das prioridades europeias, e partilhar as oportunidades do programa na área da educação e formação, com a presença dos vereadores da Educação e da Juventude, respetivamente, Augusto Lima e Luísa Azevedo.

Refira-se que a visita também teve como objetivo conhecer as melhores práticas das escolas do concelho nestes projetos europeus, bem como capacitar professores e membros das escolas para a utilização deste programa comunitário nos seus âmbitos de atuação.

As Escolas Secundárias Camilo Castelo Branco e D. Sancho I serviram de amostra do trabalho que as escolas do concelho já realizam na dinamização do Programa Erasmus+, e a Casa do Território, no Parque da Devesa, acolheu uma sessão de informação e capacitação, com participantes de todos os agrupamentos de escolas do concelho, onde foram apresentadas as principais novidades e prioridades para 2023, nomeado de ‘Ano Europeu das Competências’ pela Comissão Europeia, com foco no ensino profissional e na educação de adultos enquanto áreas de relevo para estratégias futuras.

Só este ano letivo, 2022/2023, foram implementados 52 projetos no âmbito do programa Erasmus+ por escolas famalicenses – públicas e de ensino profissional -, que envolveram um total de 5561 alunos, essencialmente do 3.º ciclo e do ensino secundário, e 605 docentes em ações de mobilidade e ações realizadas nos próprios estabelecimentos de ensino, bem como candidaturas e participação em projetos de âmbito europeu.

Leia também...