Administração do Centro Hospitalar confirma casos suspeitos de coronavírus, um deles já invalidado

A administração do Centro Hospitalar do Médio Ave confirmou a existência de dois casos suspeitos de coronavírus que deram entrada na unidade de Vila Nova de Famalicão, no dia de ontem, como noticiou o Jornal do Ave.

Em comunicado enviado ontem à noite, a administração refere que “foram atendidos dois utentes” e que o primeiro o atendimento “decorreu de forma semelhante ao caso de Santo Tirso” – ocorrido no domingo, que deu negativo -, “tendo o utente explicado as suas suspeitas e, de acordo com o protocolo, sido encaminhado para o hospital de referência”.

“No segundo caso, a suspeita levantada ao fim da manhã viria, ao fim do dia, a não ser validada”.

“Por precaução, os dez profissionais com quem estes utentes contactaram foram dispensados do seu trabalho, aguardando nas suas casas os resultados da avaliação dos dois casos”, comunicou ainda a administração do Centro Hospitalar, que aproveitou para “reforçar a mensagem das autoridades de saúde, lembrando que, nos casos em que possa existir risco de infeção por coronavírus, o primeiro contacto deve ser dirigido para a Linha Saúde 24 e não para os estabelecimentos de saúde”.

Obrigado por ler esta notícia

Veja tambem